Repositório Digital

A- A A+

A marca Chanel como objeto de desejo e de consumo

.

A marca Chanel como objeto de desejo e de consumo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A marca Chanel como objeto de desejo e de consumo
Autor Giordani, Luiza
Orientador Machado, Maria Berenice da Costa
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Comunicação Social: Habilitação em Propaganda e Publicidade.
Assunto Consumo de luxo
Mulher
[en] Chanel
[en] Consumer’s behavior
[en] Consumption
[en] Luxury branding
[en] Woman
Resumo Este estudo visa compreender as razões que fazem com que a marca Chanel seja objeto de desejo e de consumo, buscando esse entendimento no comportamento de consumidoras e não consumidoras da marca. Para realização desta pesquisa, primeiramente apresenta-se um referencial teórico sobre consumo, marcas, como se dá o relacionamento entre o consumidor e a marca, sobre marcas e o consumo de luxo. Posteriormente, aborda-se o histórico da Chanel, desde sua origem, apresentando uma breve biografia de sua fundadora, Gabrielle Chanel, passando pela história da marca, chegando até o contexto da marca. Após a contextualização sobre o universo da marca, foram desenvolvidos dois métodos de análise para verificar a questão de pesquisa a partir de ferramentas quantitativa e qualitativa. As principais conclusões inferem que, na amostra analisada, a Chanel é objeto de desejo por seu status e objeto de consumo em função do estilo pessoal das entrevistadas. A marca é objeto de desejo e de consumo por conhecida qualidade.
Abstract This study aims to understand the reasons that make the Chanel brand become an object of desire and consumption, seeking an understanding of this behavior in female consumers and non-consumers of the brand. For this research, first of all is presented a theoretical framework about consumption, brands, how is the relationship between the consumer and the brand, about brands and luxury consumption. Subsequently, this study addresses the history of Chanel, from its origin, giving a brief biography of its founder, Gabrielle Chanel, and the history of the brand, up to the context of the brand. After the contextualization of the universe of the brand, there will be developed two methods of analysis to verify the point of this research from quantitative and qualitative tools. The main findings infer that in our sample, the Chanel is an object of desire because of its status, and an object of consumption according to the personal style of the interviewees. The brand is the object of desire and consumption for its known quality.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/77169
Arquivos Descrição Formato
000895499.pdf (2.004Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.