Repositório Digital

A- A A+

A construção de sentidos do programa Fantástico sobre o comportamento ambiental das populações de 8 países : inovação, esbanjamento, sobrevivência e trabalho

.

A construção de sentidos do programa Fantástico sobre o comportamento ambiental das populações de 8 países : inovação, esbanjamento, sobrevivência e trabalho

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A construção de sentidos do programa Fantástico sobre o comportamento ambiental das populações de 8 países : inovação, esbanjamento, sobrevivência e trabalho
Autor Silva, Lívia Guilhermano da
Orientador Hagen, Sean Aquere
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Comunicação Social: Habilitação em Jornalismo.
Assunto Análise do discurso
Fantástico (Programa de televisão)
Jornalismo ambiental
Telejornalismo
[en] Broadcast journalism
[en] Discourse
[en] Environmental journalism
[en] Sense
Resumo Este trabalho tem como objetivo a investigação dos sentidos construídos pelo programa Fantástico, da Rede Globo, sobre a posição de oito países diante da questão ambiental. O objeto de análise desta pesquisa é a série de seis reportagens Planeta Terra: Lotação Esgotada, de Sônia Bridi e Paulo Zero, exibida entre 20 de maio e 24 de junho de 2012. As reportagens procuram responder à questão: quantas pessoas a Terra pode sustentar? Para analisar o discurso do programa, esta pesquisa se apoiou na teoria construcionista, que considera o jornalismo como agente social ativo na construção da realidade. Através da utilização da metodologia da análise de discurso, este estudo encontrou quatro formações discursivas, que categorizam cada população conforme as suas atitudes diante do cenário de escassez dos recursos naturais: chineses são inovadores; estadunidenses são esbanjadores; ruandeses, quenianos, angolanos, indianos e indonésios são sobreviventes; brasileiros são trabalhadores.
Abstract This paper aims to investigate the sense produced by Reed Globe‟s TV program Fantastico about the place of eight countries facing the environmental issue. This research analyses Sonia Bride and Paulo Zero‟s TV series Planet Terra: Lotação Esgotada, broadcasted from May 20th to June 24th of 2012. The purpose of this TV series is to answer the question: how many people will the Earth tolerate? The analysis is based on the Constructivism Paradigm, that considers journalism as an instrument that contributes to the social construction of reality. By using the methodology of Discourse Analysis, this paper has found four discursive categories that represent the different populations according to their acts in the current scenario that shows the decreasing stocks of natural resources: Chinese are innovative; North Americans are lavish; Rwandans, Kenyans, Angolans, Indians and Indonesians are survivors; Brazilians are workers.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/77173
Arquivos Descrição Formato
000895836.pdf (1.987Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.