Repositório Digital

A- A A+

Fatores geradores de estresse nos funcionários de uma agência de varejo do Banco do Brasil, Bom Jesus

.

Fatores geradores de estresse nos funcionários de uma agência de varejo do Banco do Brasil, Bom Jesus

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores geradores de estresse nos funcionários de uma agência de varejo do Banco do Brasil, Bom Jesus
Autor Souza, Paulo Afonso Evangelista de
Orientador Flores-Pereira, Maria Tereza
Data 2011
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Gestão de Negócios Financeiros.
Assunto Qualidade de vida no trabalho
Trabalho bancário
[en] Job bank
[en] Quality of work life
[en] Stress
Resumo A evolução das formas de trabalho, fruto da grande evolução tecnológica e dos novos sistemas de informação, transformaram as atividades manuais e repetitivas, em um trabalho mais dependente da qualificação, dos conhecimentos, da criatividade a das emoções do trabalhador. Entretanto, esse contexto de mudança também está ligado ao acirramento da competitividade dentro dos setores de serviços, entre eles o setor bancário, aumento das cobranças por resultados sobre os trabalhadores e, com isso, um aumento do estresse nesses ambientes de trabalho. Devido à velocidade das mudanças e da grande reestruturação ocorrida no setor nos últimos anos em virtude das novas tecnologias, maior concorrência entre os bancos e adaptação ao mercado, os trabalhadores bancários vem enfrentando distúrbios físicos e emocionais – síndrome psicológica de burnout – decorrente da sobrecarga de trabalho, da pressão contínua para atingimento de metas, da falta de reconhecimento e dos conflitos de valor. Tal contexto tem a capacidade de afetar drasticamente a qualidade de vida dos bancários. Este estudo tem como objetivo identificar os principais fatores geradores de estresse dos funcionários da agência bancária Bom Jesus em suas diferentes funções, levantar as consequências ocasionadas, assim como discutir estratégias para redução dos fatores geradores e diminuição dos impactos causados. Com a finalidade de se atingir os objetivos deste estudo realizamos uma pesquisa qualitativa de estudo de caso envolvendo a agência em questão, com o uso de questionários. O conteúdo dos questionários foram analisados e verificou-se que o principal fator gerador de estresse na agência estudada é a cobrança diária pelo atingimento das metas estipuladas, tendo como as consequências observadas pelos bancários um aumento da irritabilidade e do cansaço mental dos indivíduos. Os respondentes consideraram insuficiente o programa de qualidade de vida adotado pelo banco e efetuaram sugestões para redução das causas e consequências do estresse em nível individual, de agência e da instituição de maneira geral.
Abstract The evolution of forms of work, the fruit of great technological change and new information systems, transformed and repetitive manual tasks in a more dependent on the skills, knowledge, creativity of the worker's emotions .. Entertaining, this changing environment is also linked to the intensification of competition within the service sectors, including banking, increased accountability for results on the workers and, therefore, an increase of stress in these environments. Due to the speed of changes and major restructuring in the sector occurred in recent years because of new technologies, increased competition among banks and adaptation to the market, bank employees have faced physical and emotional disorders - psychological burnout syndrome - due to overload work, continued pressure for achieving goals, the lack of recognition and value conflicts. This context has the ability to dramatically affect the quality of life of the bank. This study aims to identify the main factors causing stress among employees of branch Bom Jesus in their different roles, get to the results, and discuss strategies for reducing the generating factors and reduction of impacts. In order to achieve the objectives of this study we conducted a qualitative case study involving the agency in question, with the use of questionnaires. The content of the questionnaires were analyzed and found that the main factor causing stress in the agency studied is the daily charge for achievement of targets set, and the consequences observed by the bank increased irritability and mental fatigue of individuals. Respondents considered insufficient quality of life program adopted by the bank and have made suggestions to reduce the causes and consequences of stress at the individual, agency and the institution in general.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/77631
Arquivos Descrição Formato
000894697.pdf (233.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.