Repositório Digital

A- A A+

A field survey of crop management practices and distribution of ALS resistant Euphorbia heterophylla in two states in southern Brazil

.

A field survey of crop management practices and distribution of ALS resistant Euphorbia heterophylla in two states in southern Brazil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A field survey of crop management practices and distribution of ALS resistant Euphorbia heterophylla in two states in southern Brazil
Outro título Avaliação das práticas de manejo das lavouras e da distibuição geográfica de Euphorbia heterophylla resistente aos inibidores de ALS em dois estados do sul do Brasil
Autor Vidal, Ribas Antonio
Winkler, Larissa Macedo
Hernandes, Gustavo Cantori
Fleck, Nilson Gilberto
Merotto Junior, Aldo
Trezzi, Michelangelo Muzell
Resumo A resistência aos herbicidas foi relatada no Brasil há quase uma década. Uma das principais plantas daninhas com resistência aos herbicidas é a leiteira (Euphorbia heterophylla). Este trabalho foi planejado para avaliar a distribuição geográfica de E. heterophylla resistente aos herbicidas nos estados do Paraná e Rio Grande do Sul e para obter dados que identificassem os principais fatores de manejo associados à seleção de biótipos resistentes na área. Sementes de E. heterophylla de 148 locais foram coletadas nos anos de 2001 e 2002. Em cada local, os agricultores informaram os procedimentos relativos a controle de plantas daninhas, sistema de preparo do solo, rotação de culturas e colheita. Este trabalho demonstrou que biótipos resistentes aos herbicidas inibidores da ALS estão amplamente distribuídos na região amostrada. A disseminação de sementes de plantas resistentes não é a provável causa da ampla distribuição da resistência. O principal fator responsável pela seleção de plantas resistentes na espécie E. heterophylla foi a elevada utilização de herbicidas inibidores de ALS nos anos que antecederam a coleta. Foram apresentadas evidências indiretas que demonstram a necessidade de educar os legisladores e agricultores com respeito à importância da mistura de herbicidas na prevenção da resistência aos herbicidas.
Abstract Herbicide resistance was reported in Brazil almost ten years ago. One of the main weeds with herbicide resistance is wild poinsettia (Euphorbia heterophylla). This work evaluates the distribution of ALS-resistant E. heterophylla in two states in southern Brazil and determines the major contributing management causes for weed resistance selection in the area. E. heterophylla seeds from 148 sites located in Paraná and Rio Grande do Sul were sampled during 2001 and 2002. Farmers provided specific site data for weed control, tillage system, crop rotation and harvesting operations during previous years. ALS resistant E. heterophylla biotypes were found widely distributed in the survey area. Data analysis suggests seed dissemination is unlikely to explain the widespread distribution of resistance. The most probable factor for the selection of the resistant E. heterophylla is the persistent high use of ALS-inhibiting herbicides over time. Indirect evidence is presented demonstrating the need to educate legislators and farmers about the importance of herbicide mixtures as a strategy to prevent herbicide resistance.
Contido em Planta daninha. Londrina, PR. Vol. 22, n. 3 (2004), p. 403-410
Assunto Erva daninha
Herbicida
Leiteira : Resistencia a herbicida
[en] Herbicide mixtures
[en] Imazethapyr
[en] Wild poinsettia
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/77696
Arquivos Descrição Formato
000443782.pdf (726.8Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.