Repositório Digital

A- A A+

Antagonismo das associações de clodinafop-propargyl com metsulfuron-methyl e 2,4-D no controle de azevém (Lolium multiflorum)

.

Antagonismo das associações de clodinafop-propargyl com metsulfuron-methyl e 2,4-D no controle de azevém (Lolium multiflorum)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Antagonismo das associações de clodinafop-propargyl com metsulfuron-methyl e 2,4-D no controle de azevém (Lolium multiflorum)
Outro título Antagonistic action of clodinafop-propargyl associated with metsulfuron-methyl and 2,4-D in the control of italian ryegrass (Lolium multiflorum)
Autor Trezzi, Michelangelo Muzell
Mattei, Diogenes
Vidal, Ribas Antonio
Kruse, Nelson Diehl
Gustmann, Mara Stoco
Viola, R.
Machado, A.
Silva, H. L.
Resumo Em geral, a eficiência de herbicidas inibidores da ACCase é reduzida quando da aplicação em conjunto com herbicidas latifolicidas. Dois experimentos – em casa de vegetação e campo – objetivaram determinar a existência de antagonismo nas associações de clodinafop-propargyl a metsulfuron-methyl ou 2,4-D, para controle de azevém anual. Em casa de vegetação, o delineamento foi o completamente casualizado, com 21 tratamentos compostos pela aplicação de clodinafop (0, 3, 6, 12, 24, 48 e 96 g ha-1) isolado ou em mistura com metsulfuron-methyl (2 e 4 g ha-1 ) ou 2,4-D (470 g ha-1). Em campo, o delineamento foi de blocos casualizados, com 12 tratamentos, arranjados em fatorial 6 x 2, composto pelos níveis de clodinafop-propargyl (0, 3, 6, 12, 24, 48 e 96 g ha 1 ) isolado ou em mistura com metsulfuron-methyl (2 g ha-1 ). A avaliação visual de controle, em casa de vegetação, revelou I50 das misturas de clodinafop-propargyl + metsulfuron-methyl (2 e 4 g ha-1) ou clodinafoppropargyl + 2,4-D (470 g ha-1), respectivamente, 33, 84 e 151% superiores ao de clodinafoppropargyl isolado. Já para matéria verde de azevém, o I 50 das misturas supracitadas foi, respectivamente, 119, 244 e 72% superior ao de clodinafop-propargyl isolado. Em campo, ocorreu redução da matéria verde de azevém com a elevação dos níveis de clodinafop-propargyl isolado, mas não houve variação da matéria verde com a elevação dos níveis de clodinafoppropargyl, em associação a metsulfuron-methyl. Os resultados evidenciam a existência de antagonismo entre clodinafop-propargyl e os herbicidas metsulfuron-methyl e 2,4-D. São feitas considerações sobre as possíveis vantagens da aplicação dos herbicidas em mais de uma operação de controle, em comparação à associação entre graminicidas e latifolicidas.
Abstract The efficacy of ACCase inhibitors is usually reduced when tank-mixed with broad leaf herbicides. A greenhouse and a field experiments were carried out to determine the existence of antagonistic effects of clodinafop-propargyl associated with metsulfuron methyl or 2,4-D to control Italian ryegrass (Lolium multiflorum ). In the greenhouse experiment, 21 treatments were tested, composed by clodynafop(0, 3, 6, 12, 24, 48 and 96 g ha-1) alone or tank-mixed with metsulfuron (2 and 4 g ha-1) or 2,4-D (470 g ha-1). In the field experiment, twelve treatments were set up in a factorial 6 x 2, composed by clodinafop (0, 3, 6, 12, 24, 48 and 96 g ha-1) alone or tankmixed with metsulfuron (2 g ha-1). In the greenhouse experiment, the control (visual evaluation), I50 from the mixtures with metsulfuron (2 and 4 g ha-1) or 2,4-D (470 g ha-1) were 33, 84 and 151% higher than clodinafop applied alone. The I50 from the rye live matter from the mixtures cited above were, respectively, 119, 244 and 72% higher than clodinafop applied alone. In the field experiment, rye live matter reduction was observed with increase of the levels of clodinafop applied alone, but rye live matter did not decrease, changing the levels of clodinafop tank-mixed with metsulfuron. The results reveal the antagonistic effect of tank-mixtures of clodinafop and metsulfuron or 2,4-D. We did make some considerations on the advantages of applying herbicides in more than one control operation, in comparison to graminicide and latifolicide mixtures.
Contido em Planta daninha, Viçosa. Vol. 25, n. 4 (out./dez. 2007), p. 839-847
Assunto Azevém
Herbicida
[en] ACCase inhibitors
[en] ALS inhibitors
[en] Herbicide association
[en] Synthetic auxines
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/77717
Arquivos Descrição Formato
000631183.pdf (847.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.