Repositório Digital

A- A A+

Do egocentrismo à descentração : a docência no ensino superior

.

Do egocentrismo à descentração : a docência no ensino superior

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Do egocentrismo à descentração : a docência no ensino superior
Outro título From egocentrism to decentration teaching in the higher education school
Outro título Del egocentrismo a la descentración la docencia en la enseñanza superior
Autor Marques, Tânia Beatriz Iwaszko
Orientador Pillar, Analice Dutra
Data 2005
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Construção do conhecimento
Egocentrismo
Epistemologia genética
Ponto de vista : Diferenciação : Coordenação : Professor : Ensino superior
Processo ensino-aprendizagem
[en] Construction of knowledge
[en] Differentiation and coordination of viewpoints
[en] Egocentrism and decentration
[en] Learning
[en] Teaching in the higher education school
[es] Apren-dizaje
[es] Construcción de conocimiento
[es] Diferenciación y coordinación de puntos de vista
[es] Docencia en la enseñanza superior
[es] Egocentrismo y descentración
Resumo O presente trabalho pesquisou os processos de egocentrismo e descentração na do-cência no ensino superior e suas possíveis conseqüências sobre o ensino e a aprendizagem. O principal referencial teórico utilizado foi a Epistemologia Genética piagetiana. Procurou-se investigar a possibilidade de os professores diferenciarem o seu próprio ponto de vista dos pontos de vista dos alunos e a possibilidade de coordenarem os diferentes pontos de vista que se constituem em sala de aula. A coleta de dados baseou-se em uma metodologia qualitativa, consistindo numa adaptação do método clínico piagetiano. Realizaram-se en-trevistas com professores, observações de suas aulas e entrevistas com alunos. Os sujeitos pesquisados foram seis professores do quadro efetivo da UFRGS, de diferentes áreas de co-nhecimento, todos com mais de 10 anos de experiência docente nesta universidade. Foram encontrados três níveis do egocentrismo à descentração. O primeiro nível equivale àquele em que o professor não diferencia o ponto de vista do aluno do seu próprio ponto de vista. O segundo nível equivale àquele em que o professor diferencia os pontos de vista existentes em sala de aula, porém, não os coordena. O terceiro nível é aquele em que o professor, além de diferenciar, consegue coordenar os distintos pontos de vista que se cons-tituem em sala de aula.
Abstract The present paper deals with the processes of egocentrism and decentration in high-er education and possible consequences on teaching and learning. The main theoretical ref-erential utilized was Piaget's Genetics Epistemology. In writing the paper, an investigation was conducted on the possibility of teachers differentiating between their own viewpoint and their students' and the possibility of coordinating the diverse viewpoints that come up in a classroom. The data collection was based on a qualitative methodology, which consist-ed in an adaptation of Piaget's clinic method with teacher interviews, observation of their classes and student interviews. The survey subjects were six tenured teachers from different areas of knowledge, all of them with over ten years of experience teaching at UFGRS. Three levels were identified from egocentrism to decentration. The first level con-sists in a teacher who does not distinguish the students' viewpoint from his own. The sec-ond level is the one where the teacher differentiates the viewpoints in the classroom, but he or she does not coordinate them. The third level is the one where the teacher not only dif-ferentiates viewpoints, but is also able to coordinate the various viewpoints surfacing in the classroom.
Resumen El presente trabajo investigó los procesos de egocentrismo y descentración en la do-cencia en la enseñanza superior y sus posibles consecuencias sobre la enseñanza y el apren-dizaje. El principal referencial teórico utilizado fue la Epistemología Genética piagetiana. Se procuró investigar la posibilidad de que los profesores diferencien su propio punto de vista de los puntos de vista de los alumnos y la posibilidad de coordinar los diferentes pun-tos de vista que se constituyen en el salón de clases. La recolección de datos se basó en una metodología cualitativa que consistió en una adaptación del método clínico piagetiano. Se realizaron entrevistas con profesores, observaciones de sus clases y entrevistas con alum-nos. Los sujetos investigados fueron seis profesores del cuadro efectivo de la UFRGS, de diferentes áreas de conocimiento, todos con más de diez años de experiencia docente en es-ta universidad. Se encontraron tres niveles del egocentrismo a la descentración. El primer nivel equivale a aquel en el cual el profesor no diferencia el punto de vista del alumno del suyo propio. El segundo nivel equivale a aquel en el cual el profesor diferencia los puntos de vis-ta existentes en el salón de clases, pero no los coordina. El tercer nivel es aquel en el cual el profesor, además de diferenciar, consigue coordinar los distintos puntos de vista que se constituyen en el salón de clases.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/77903
Arquivos Descrição Formato
000472247.pdf (1.963Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.