Repositório Digital

A- A A+

Misturas solo-cal-fibra : comportamento mecânico à compressão e tração

.

Misturas solo-cal-fibra : comportamento mecânico à compressão e tração

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Misturas solo-cal-fibra : comportamento mecânico à compressão e tração
Autor Corte, Marina Bellaver
Orientador Consoli, Nilo Cesar
Co-orientador Festugato, Lucas
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Civil.
Assunto Engenharia civil
Resumo O melhoramento dos solos locais de baixa capacidade suporte com a inclusão de fibras e materiais cimentantes, visando a construção de bases de pavimento estabilizadas e de fundações superficiais, apresenta vantagens econômicas e ambientais ao evitar o transporte de materiais de outras regiões e a necessidade de áreas para bota-fora. Estudos feitos no Legg Environgeo da UFRGS mostraram que a metodologia de dosagem baseada na relação porosidade/teor volumétrico de agente cimentante foi satisfatória para a estimativa da resistência de misturas tratadas com cal. Neste contexto, este trabalho objetivou quantificar a influência da quantidade de cal, da porosidade e da razão porosidade/cal na estimativa da resistência à compressão (qu) e à tração (qt) em misturas solo-cal-fibra de polipropileno. O solo a ser melhorado é um silte argiloso, denominado caulim rosa. O programa experimental foi desenvolvido possibilitando que a influência da adição da fibra nas misturas fosse quantificada isoladamente. Foram estudados três pesos específicos aparentes secos, 14, 15 e 16 kN/m³, contendo 3, 5, 7 e 9% de cal, calculados em relação à massa de solo seca, e um teor de fibra, 0,5%, calculado em relação à massa de sólidos da mistura. Os resultados indicaram que o aumento dos teores de cal afeta linearmente no aumento da resistência (qu) e (qt). Verificou-se, também, que, através de curvas potenciais, foi possível expressar o comportamento da redução da porosidade sobre a resistência das misturas. A relação porosidade/teor volumétrico de cal demonstrou-se apropriada na estimativa dos valores de qu e qt. Obteve-se uma relação única entre qu/qt para todas as amostras solo-cal-fibra estudadas, e esta relação é independente da razão porosidade/teor volumétrico de cal. Finalmente, fez-se a análise dos resultados com e sem a inclusão de fibras, essa comparação mostrou que a inclusão das fibras acarretou na diminuição da resistência das amostras.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/78221
Arquivos Descrição Formato
000896891.pdf (1.418Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.