Repositório Digital

A- A A+

Reestruturação produtiva no setor bancário : a realidade dos anos 90

.

Reestruturação produtiva no setor bancário : a realidade dos anos 90

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Reestruturação produtiva no setor bancário : a realidade dos anos 90
Outro título Productive restructuring in bankins sector : the reality of the 1990’s
Autor Larangeira, Sônia Maria Guimarães
Resumo O objetivo do artigo é levantar questões relativas à reestruturação produtiva nos bancos e suas implicações sociais (emprego, qualificação, formação e treinamento, salário e ação sindical), no contexto dos anos 90. As observações e conclusões apresentadas resultam da análise de um estudo de caso que teve como objeto um banco estatal em vias de privatização, bem como da utilização de estatísticas gerais sobre o setor. Dentre as conclusões, caberia destacar que os ganhos para a força de trabalho, resultantes do processo em estudo, poderiam ser relativizados, já que os mesmos são acompanhados de efeitos negativos, como maior desgaste físico e mental da força de trabalho, além da ocorrência de altas taxas de desemprego. Nesse sentido, conclui-se que, a uma possível elevação da qualificação dos que permanecem no emprego, corresponderia uma degradação das condições de vida em termos mais gerais.
Abstract The article aims to raise some issues related to the restructuring process in the banking sector and its social implications (employment, skills, training, wage and union’s action), in the context of the 1990’s. The observations and conclusions presented result from the analysis of a case–study in a Brazilian state bank preparing for privatization, as well as from the use of statistics concerning the sector as a whole. Among the conclusions, it is worth to mention that the gains obtained by the work–force in the process under study should be assessed vis-à-vis the negative effects as physical and mental stress for those who remain employed, as well as the occurrence of high rates of unemployment. The main conclusion, therefore, would be that the skills raising in employment would correspond to a degradation of living conditions in general.
Contido em Educação e sociedade. Campinas. Vol. 18, n. 61 (dez. 1997), p. 110-138.
Assunto Bancos
Sociologia do trabalho
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/78265
Arquivos Descrição Formato
000164874.pdf (69.26Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.