Repositório Digital

A- A A+

Edificações em light steel frame isoladas externamente com EIFS : avaliação de desempenho térmico pela NBR 15.575/2013

.

Edificações em light steel frame isoladas externamente com EIFS : avaliação de desempenho térmico pela NBR 15.575/2013

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Edificações em light steel frame isoladas externamente com EIFS : avaliação de desempenho térmico pela NBR 15.575/2013
Autor Magalhães, Ruane Fernandes de
Orientador Kirchheim, Ana Paula
Co-orientador Torres, Maurício Carvalho Ayres
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Civil.
Assunto Engenharia civil
Resumo A indústria da construção civil, no Brasil, ainda encontra-se baseada fortemente em técnicas artesanais, com elevados índices de desperdício de materiais e sem grande preocupação com os impactos causados ao meio ambiente. No entanto, técnicas mais sustentáveis e industrializadas, com ênfase na racionalização dos processos, têm ganhado destaque, como o Light Steel Frame (LSF). Sistema já consolidado em países desenvolvidos, o LSF pode trazer inúmeras vantagens construtivas, como obra limpa, seca, organizada e com baixa geração de resíduos. Por trabalhar integrado a outros subsistemas, para o adequado funcionamento da construção como um todo, o Steel Frame pode representar uma alternativa interessante no que diz respeito a aspectos considerados, até então, secundários na maioria das construções convencionais, como o conforto térmico. Assim, com a publicação do novo texto da NBR 15.575/2013, deve ser grande a procura por alternativas que possibilitem a obtenção de desempenho térmico adequado nas edificações habitacionais. Nesse contexto, o presente trabalho trata da verificação de adequação de desempenho térmico que edificações em LSF podem alcançar com o uso do sistema de isolamento externo EIFS, comumente empregado em países que já utilizam esse método construtivo. O trabalho desenvolveu-se a partir de pesquisa bibliográfica, abordando desde os componentes do LSF, até os métodos de avaliação de desempenho térmico empregados. A avaliação de desempenho térmico foi feita através dos procedimentos simplificado e de medição, indicados pela NBR 15.575/2013, tomando-se como referência uma edificação em LSF do tipo sobrado, pertencente a um condomínio residencial. A edificação estudada foi utilizada como referência tanto para os cálculos das propriedades das vedações verticais externas (procedimento 1) quanto para as medições de temperatura in loco, realizadas para avaliação através do procedimento 2. Sob forma de resultados comparativos, a pesquisa demonstrou em que situações o sistema estudado pode atender à Norma de Desempenho e sob quais requisitos. Quanto às propriedades dos materiais, a edificação estudada não atendeu ao requisito referente a uma das propriedades avaliadas, porém, no que diz respeito à avaliação global de desempenho, através de medições in loco, o sistema atendeu ao indicado pela Norma em nível satisfatório. Além das avaliações realizadas, são também apresentadas algumas dificuldades encontradas para aplicação do texto da Norma de Desempenho, bem como apontamentos de, consideradas, imprecisões nas avaliações de desempenho térmico abordadas pela NBR 15.575/2013.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/78293
Arquivos Descrição Formato
000897013.pdf (2.536Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.