Repositório Digital

A- A A+

Sinalização em cores em acervos infantis : um estudo das bibliotecas da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre

.

Sinalização em cores em acervos infantis : um estudo das bibliotecas da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sinalização em cores em acervos infantis : um estudo das bibliotecas da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre
Autor Flores, Eunice Passos
Orientador Bonotto, Martha Eddy Krummenauer Kling
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Biblioteconomia.
Assunto Biblioteca escolar
Sinalização visual
[en] Color coding
[en] School library
Resumo Avalia de que forma a sinalização em cores tem sido utilizada nos acervos infantis das bibliotecas de escolas da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre selecionadas. Analisa quatro bibliotecas escolares, sendo que duas delas utilizam outra forma de organização do acervo, com o intuito de se estabelecer contrapontos. Traz como justificativa diversos questionamentos feitos a respeito do uso da codificação cromática, como o desconhecimento por parte de algumas crianças do significado da sinalização utilizada nos livros que traziam da escola e os contrapontos existentes na literatura, além de poucas pesquisas referente ao tema. Estabelece como problema de pesquisa se a sinalização em cores utilizada nos acervos infantis das escolas da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre selecionadas tem contribuído para atender as necessidades informacionais dos seus usuários. Objetiva verificar de que forma a sinalização está apresentada; avaliar se a sinalização está clara e disponível aos usuários; analisar a maneira como os usuários interagem com essa sinalização; e verificar a eficácia da sinalização para estes usuários. Estudo exploratório com abordagem qualitativa. Os dados foram coletados por observação e entrevistas. Baseado em alguns autores que tratam sobre esse tema e trazem maneiras de ordenar as bibliotecas pelo código de cores, como Simão, Schercher e Neves (1993) e também Pinheiro e Sachetti (2005). Indica,através dos resultados, que os usuários utilizam a codificação cromática para se localizar dentro da biblioteca, demonstrando se guiar pelas cores para encontrar o material desejado, havendo dificuldades apenas para os não alfabetizados, quando ainda necessitam de um instrumento que facilite suas buscas, como o uso de figuras para representar os assuntos. Conclui que, apesar de ainda serem necessárias algumas adaptações nas bibliotecas analisadas, a sinalização em cores tem contribuído para atender às necessidades informacionais dos seus usuários, assim como as outras formas de organização de acervos infantis analisadas também tem cumprido um papel importante no auxílio às crianças no momento da recuperação da informação.
Abstract It assesses how color coding has been used in children's collections of the school libraries selected amonh municipal schools of Porto Alegre. Analyzes four school libraries, two of which use another form of organization of the collection, in order to establish counterpoints. It brings as justification several inquiries regarding the use of signs, such as lack of knowledge of some children about the meaning of the signs used on the books. It also presents counterpoints that exist in the relevant literature in this field. The research problem established is color coding used in children's books collections of the schools selected and how it is able to meet the informational needs of their users. It aims to verify how the tags are presented, to assess whether the code is clear and available to users, to analyze how users interact with this signaling, and verify the effectiveness of this coding for these users. It is an exploratory study with a qualitative approach. Data were collected through observation and interviews. Based on some authors that deal with this topic and bring ways to organize collections by use of this color code, as Simon Schercher and Neves (1993) and Pinheiro and also Sachetti (2005). It indicates, through the results, that users use the color cue to locate what they are looking for in the library, demonstrating to be guided by the colors it presents a problem just for the illiterate kids, who would require a different tool to facilitate their search, such as the use of pictures to represent the subjects. It concludes that, although some adjustments are still needed in the libraries analyzed color coding has helped to meet the information needs of their users, as well as other forms of organizing collections analyzed have played an important role in helping children with information retrieval.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/78375
Arquivos Descrição Formato
000898687.pdf (1.465Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.