Repositório Digital

A- A A+

Prevalência de doenças crônicas não transmissíveis em idosos submetidos a procedimentos cirúrgicos

.

Prevalência de doenças crônicas não transmissíveis em idosos submetidos a procedimentos cirúrgicos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Prevalência de doenças crônicas não transmissíveis em idosos submetidos a procedimentos cirúrgicos
Autor Kotekewis, Kamille
Orientador Unicovsky, Margarita Ana Rubin
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Doença crônica
Idoso
Prevalência
[en] Chronic disease
[en] Elderly
[en] Prevalence
Resumo INTRODUÇÃO: Nas últimas décadas, verificou-se um aumento no número de idosos no Brasil. No ano de 2010, as pessoas com 60 anos ou mais correspondiam a 13,6% da população do Estado do Rio Grande do Sul. O envelhecimento está diretamente relacionado ao aumento da incidência, da prevalência e da mortalidade por Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT). Idosos portadores de uma ou mais doenças deste grupo podem ter, como consequência, declínio da sua capacidade funcional. Com o desenvolvimento da tecnologia científica, os procedimentos cirúrgicos têm sido cada vez mais empregados entre os pacientes desta faixa etária para o diagnóstico e o tratamento de DCNT. OBJETIVO: Verificar a prevalência de doenças crônicas não transmissíveis em idosos submetidos a procedimentos cirúrgicos. MÉTODO: Trata-se de um estudo exploratório, de corte transversal, com abordagem quantitativa. Foram avaliados os prontuários de 146 idosos submetidos a procedimentos cirúrgicos no mês de janeiro de 2013 na Unidade de Bloco Cirúrgico do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). O projeto foi aprovado pela Comissão de Pesquisa da Escola de Enfermagem da UFRGS e pelo Comitê de Ética em Pesquisa do Grupo de Pesquisa e Pós-Graduação do HCPA. RESULTADOS: A maioria dos idosos era do sexo masculino (53,4%), tinham entre 60 e 69 anos (54,8%), eram da raça branca (91,8%), casados (62,3%) e procedentes da Mesorregião Metropolitana de Porto Alegre (92,4%). A maior parcela da amostra foi submetida à cirurgia para tratamento de neoplasias (37%). A prevalência de DCNT foi de 89%, sendo mais comum o grupo das Doenças Cardiovasculares (65,1%), seguidas pelas Neoplasias Malignas (45,2%), Diabetes Mellitus tipo 2 (21,9%) e Doenças Respiratórias Crônicas (7,5%). CONCLUSÃO: A prevalência de DCNT foi significativamente maior (p<0,001) entre os pacientes desta amostra em relação à população geral maior de 60 anos. Quando avaliado especificamente cada grupo de DCNT, as prevalências identificadas foram inferiores aos resultados de outras pesquisas com idosos submetidos a procedimentos cirúrgicos. É fundamental conhecer o padrão de desenvolvimento e as consequências dessas patologias neste grupo etário. Esses achados reforçam a importância da atuação do enfermeiro na prevenção, tratamento e acompanhamento de idosos de forma a reduzir a morbimortalidade por DCNT.
Abstract INTRODUCTION: In recent decades, there has been an increase in the number of elderly in Brazil. In 2010, people with 60 years or more accounted 13.6% of the population of the State of Rio Grande do Sul. Aging is directly related to the increase in incidence, prevalence and mortality by Non-Communicable Chronic Diseases (NCD). Elderly with one or more diseases of this group can have, as a consequence, decrease of their functional capacity. With the development of scientific technology, surgical procedures have been increasingly used in patients in this age group for diagnosis and treatment of NCD. OBJECTIVE: Verify the prevalence of Non-Communicable Chronic Diseases in the elderly undergoing surgical procedures. METHOD: This is an exploratory study, cross-sectional, with quantitative approach. There were evaluated the records of 146 elderly patients submitted to surgical procedures in the month of January 2013 in the Surgical Unit of the Hospital de Clinicas de Porto Alegre (HCPA). The project was approved by the Research Committee of the School of Nursing at UFRGS and the Research Ethics Committee of the Research and Graduate group of HCPA. RESULTS: The majority of elderly were male (53.4%), were between 60 and 69 years (54.8%), were white (91.8%), married (62.3%) and from the Mesorregião Metropolitana of Porto Alegre (92.4%). The largest portion of the sample was submitted to surgical treatment of neoplasms (37%). The prevalence of NCD was 89%, being more common the group of cardiovascular diseases (65.1%), followed by Malignant Tumors (45.2%), type 2 Diabetes Mellitus (21.9%) and Chronic Respiratory Diseases (7.5%). CONCLUSION: The prevalence of NCD was significantly higher (p<0.001) among patients in this sample compared to the general population older than 60 years. When each group NCD were specifically evaluated, prevalence rates identified were lower than the results of other studies with elderly patients submitted to surgical procedures. It is essential to understand the pattern of development and the consequences of these diseases in this age group. These findings reinforce the importance of the nurse's role in prevention, treatment and monitoring of elderly people in order to reduce morbidity and mortality from NCD.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/78409
Arquivos Descrição Formato
000898987.pdf (622.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.