Repositório Digital

A- A A+

Estimulação da criança de zero a três anos : manual de orientação para pais e cuidadores

.

Estimulação da criança de zero a três anos : manual de orientação para pais e cuidadores

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estimulação da criança de zero a três anos : manual de orientação para pais e cuidadores
Autor Bocaccio, Lissandra Beatriz de Oliveira
Orientador Ribeiro, Nair Regina Ritter
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Desenvolvimento infantil
Intervenção precoce
Manuais
[es] Desarrollo infantil
[es] Estimulación
[es] Manuales
Resumo Introdução: Por ser a primeira infância, de zero a seis anos, um período essencial para o desenvolvimento mental e emocional e de socialização da criança (BRASIL, 2011), sentiu-se a necessidade de construir um material que contenha orientações de fácil compreensão sobre a importância da estimulação da criança desde o nascimento até os três anos e as formas de estímulos de acordo com essa faixa etária. Objetivos: Elaborar um manual de orientação para pais e cuidadores sobre a estimulação da criança de zero a três anos; validar o manual com familiares e cuidadores de crianças de zero a três anos. Métodos: O manual foi elaborado a partir de um projeto de desenvolvimento (GOLDIN, 2000) e aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Escola de Enfermagem da Universidade do Rio Grande do Sul e pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Para a elaboração e a validação do mesmo, foram utilizadas as etapas metodológicas segundo Echer (2005), que prevê: revisão da literatura; encaminhamento do projeto aos comitês de ética em pesquisa; transcrição das informações para o manual em linguagem acessível; seleção de avaliadores; aplicação de manuais-pilotos e de instrumentos de validação a fim de adaptar a linguagem e qualificar as informações. Após a devolução dos manuais-pilotos e dos instrumentos, foram trabalhados os dados através da análise de conteúdo (GOMES, 2008). Resultados: Após análise dos dados, foi evidenciada, segundo relatos dos avaliadores, a importância da elaboração do manual para auxiliar na estimulação da criança de zero a três anos. Houve sugestões e as mesmas foram analisadas e utilizadas para a qualificação do manual. Conclusão: O manual poderá ser um instrumento de educação em saúde para pais e cuidadores ao acompanharem o desenvolvimento infantil e promoverem a estimulação das crianças. Esse material apresenta, além de etapas do desenvolvimento no período de zero a três anos, formas de estímulos fáceis de serem postos em prática.
Resumen Introducción: Por ser la primera infancia, de cero a seis años, un período esencial, para el desarrollo mental y emocional y de socialización del niño (BRASIL, 2011), se sintió la necesidad de construir un material que contenga orientaciones de fácil comprensión sobre la importancia de la estimulación del niño desde el nacimiento hasta los tres años y las formas de estímulos de acuerdo con la faja de edad. Objetivos: Elaborar un manual de orientación para padres y cuidador (a) sobre la estimulación del niño de cero a tres años; validar el manual con familiares y cuidador (a) del niño de cero a tres años. Método: El manual fue elaborado desde un proyecto de desarrollo (GOLDIN, 2000) y aprobado por el Comité de Ética en Pesquisa de la Escuela de Enfermería de la Universidad Federal de Rio Grande do Sul. Para la elaboración y la validación del mismo, fueron utilizadas las etapas metodológicas según Echer (2005), prevé: revisión de la literatura; encaminamiento del proyecto a los comités de ética en pesquisa; transcripción de las informaciones para el manual en lenguaje accesible; selección de evaluadores; aplicación de manuales-pilotos y de instrumentos de validación a fin de adaptar el lenguaje y calificar las informaciones. Despues la devolución de los manualespilotos y de los instrumentos, fueron trabajados los datos a través del análisis de contenido (Gomes, 2008). Resultados: Despues análisis de los datos, fue evidenciada, según relatos de los evaluadores, la importancia de la elaboración del manual para auxiliar en la estimulación del niño de cero a tres años. Hubo sugerencias y las mismas fueron analizadas y utilizadas para la calificación del manual. Conclusión: El manual podrá ser un instrumento de educación en salud para padres y cuidador (a) al acompañar el desarrollo infantil y promover la estimulación de los niños. Ese material presenta, allende de etapas del desarrollo en el período de cero a tres años, formas de estímulos fácil de ser puestos en práctica.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/78418
Arquivos Descrição Formato
000899220.pdf (15.32Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.