Repositório Digital

A- A A+

As representações sociais de mulheres lésbicas sobre atenção à sua saúde

.

As representações sociais de mulheres lésbicas sobre atenção à sua saúde

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título As representações sociais de mulheres lésbicas sobre atenção à sua saúde
Autor Carvalho, Vanessa Azambuja de
Orientador Silva, Jacqueline Oliveira
Data 2013
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Curso de Especialização em Saúde Pública.
Assunto Atenção à saúde
Cuidados médicos
Homossexualidade feminina
Lésbicas
Resumo Nas últimas duas décadas o país apresentou importantes avanços em termos de Políticas Públicas referentes ao grupo específico de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT). A saúde das mulheres lésbicas é tema de escassa literatura no mundo acadêmico brasileiro. O presente trabalho visa compreender quais são as representações sociais de mulheres lésbicas sobre atenção à sua saúde. Foram entrevistadas cinco mulheres residentes da cidade de Porto Alegre/RS. As entrevistas foram semi-estruturadas pautadas por perguntas referentes às suas especificidades de saúde, relatos de experiências de atendimentos de saúde, dificuldades mais comumente encontradas nos serviços e demandas para o tema da atenção às saúde da população LGBT. Em relação a revelação ou não da orientação sexual há um receio que o profissional da saúde possa ter uma reação de discriminação. Quando não há a revelação o atendimento de saúde é pautado por uma presunção da heterossexualidade da mulher e há uma visão fragmentada da saúde da usuária. Na revelação da orientação sexual, as experiências do atendimento destacam silêncio em relação a temática ou a banalização com mitos e ideias erradas sobre o corpo da mulher lésbica. Em seu cotidiano, a mulher lésbica pode passar pelo processo de sair do armário, vivenciar homofobia internalizada, preconceito e preocupações acerca de família. As mulheres relataram demandas para a saúde de maneira ampla, que se pauta em qualificação das pessoas que trabalham no sistema de saúde e que a temática LGBT seja incluída e vivenciadas em todas as Políticas Públicas de Saúde.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/78455
Arquivos Descrição Formato
000899795.pdf (1.102Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.