Repositório Digital

A- A A+

Avaliação in vitro do desempenho do DIAGNOdent pen na detecção de Enterococcus faecalis em canais radiculares de dentes bovinos infectados

.

Avaliação in vitro do desempenho do DIAGNOdent pen na detecção de Enterococcus faecalis em canais radiculares de dentes bovinos infectados

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação in vitro do desempenho do DIAGNOdent pen na detecção de Enterococcus faecalis em canais radiculares de dentes bovinos infectados
Outro título In vitro evaluation of DIAGNOdent pen to detect Enterococcus faecalis in infected bovine root canals
Autor Cappelletti, Elise Fagundes
Orientador Montagner, Francisco
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Canais radiculares
Clorexidina
[en] DIAGNOdent pen
[en] Enterococcus faecalis
[en] Fluorescence
Resumo Objetivos: O objetivo deste estudo foi avaliar o desempenho do DIAGNOdent pen na identificação de microrganismos em canais radiculares de dentes bovinos infectados artificialmente, bem como identificar a descontaminação desses canais radiculares utilizando solução de hipoclorito de sódio 5,25% e solução de clorexidina 2%. Metodologia: Foram utilizadas 40 raízes de incisivos bovinos extraídos. Os dentes foram distribuídos em 4 grupos, de acordo com o período de contaminação e a substância química empregada para sanificação do canal radicular infectado. Previamente à contaminação, as amostras foram avaliadas em 3 regiões (3, 8 e 12mm) com o DIAGNOdent pen utilizando uma ponta de fibra de safira para a quantificação da fluorescência da dentina radicular. As raízes foram imersas em meio de cultura BHI líquido e autoclavadas. Foi realizada a contaminação dos canais radiculares com E. faecalis pelo período de 7 e 14 dias. Após cada período de contaminação, foram coletadas amostras do canal radicular e cultivadas em meio de cultura BHI Agar, para determinar o número de unidades formadoras de colônia (UFCs). Neste momento, foi realizada novamente a quantificação da fluorescência. Os canais radiculares foram irrigados com as substâncias químicas por 5 minutos e após a neutralização dos canais realizou-se uma nova coleta microbiológica e repetiu-se a quantificação da fluorescência. Os resultados obtidos foram analisados estatisticamente através do programa SPSS 10.0 for Windows (SPSS Inc., Chicago, Illinois, USA) e do programa BioEstat 5.0 (Fundação Mamirauá, Belém, Pará, Brasil). O nível de significância estabelecido para os testes foi de 5%. Resultados: Biofilmes formados em um período de contaminação de 14 dias, obtiveram maiores valores de fluorescência, quando comparados ao momento inicial (sem contaminação) e após 7 dias de contaminação (P<0,05). Observou-se que a solução de hipoclorito de sódio 5,25% e a solução de clorexidina 2% reduziram os valores de fluorescência das amostras, não havendo diferença estatisticamente significante entre elas, independente do terço radicular (P>0,05). Para as amostras em que o biofilme de E. faecalis foi induzido em 14 dias, observou-se diferença estatisticamente significativa entre a fluorescência da dentina antes da contaminação, após a contaminação e também após a desinfecção, independente do terço radicular e do irrigante utilizado (Teste de Friedman, P<0.05). Conclusões: O DIAGNOdent pen apresentou potencial para quantificar níveis de fluorescência diferentes quando a dentina radicular bovina apresentava-se contaminada ou não. As soluções irrigantes foram efetivas na redução da população microbiana em biofilmes de E. faecalis induzidos em curtos períodos de tempo.
Abstract Objectives: The aim of this study was to evaluate the performance of the DIAGNOdent pen on the detection and quantification of microorganisms in root canals of bovine teeth artificially infected and on the identification of the root canals decontamination by using 5.25% sodium hypochlorite and 2% chlorhexidine solutions. Methodology: A total of 40 roots from extracted bovine incisors were used. The teeth were divided into four groups according to the contamination time and to the solution used for sanitizing the infected root canals. Prior to contamination, the samples were evaluated in three depths (3, 8, and 12mm) with DIAGNOdent pen and a sapphire fiber tip for determining the fluorescence of root dentine. The roots were immersed in liquid BHI medium and autoclaved. The root canals were then contaminated for 7 and 14 days with E. faecalis. After each period of contamination, samples were collected from the root canals and grown in culture medium BHI agar to determine the number of colony forming units (CFUs). Also at this time, DIAGNOdent measurements were performed in each group. The canals were irrigated with the chemical solutions for 5 minutes. Then, after neutralization a new microbiological collection and fluorescence measurements were performed. The results were statistically analyzed using SPSS 10.0 for Windows (SPSS Inc., Chicago, Illinois, USA) and BioEstat 5.0 (Mamirauá Foundation, Belém, Pará, Brazil). The level of significance was set at 5%. Results: Biofilms formed after a 7 and 14-days period of contamination got higher values of fluorescence when compared to baseline (no contamination).(P <0.05). It was observed that 5.25% sodium hypochlorite and 2% chlorhexidine solutions decreased the fluorescence values of the samples with no statistically significant difference between them, independent of the root third (P> 0.05). For samples in which biofilms of E. faecalis was formed after 14 days, statistically significant difference between the fluorescence of dentin before contamination, after contamination and also after disinfection was observed, independent of the root third and the solution used (Friedman test, P <0.05). Conclusions: DIAGNOdent pen showed potential to detect and quantify different levels of fluorescence of contaminated or not bovine root dentin. Chemical solutions were effective in reducing microbial colonies in biofilms of E. faecalis induced during short periods of time.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/78600
Arquivos Descrição Formato
000899594.pdf (966.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.