Repositório Digital

A- A A+

Os consumidores das camadas de baixa renda e o valor percebido do seu consumo : uma abordagem qualitativa

.

Os consumidores das camadas de baixa renda e o valor percebido do seu consumo : uma abordagem qualitativa

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Os consumidores das camadas de baixa renda e o valor percebido do seu consumo : uma abordagem qualitativa
Autor Saldanha, Carlos Sergio Valdez
Orientador Slongo, Luiz Antonio
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Baixa renda
Consumidor
Consumo
[en] Consumption of the low-income population
[en] Exploratory
[en] Low income
[en] Perceived value
[en] Qualitative research
Resumo O presente trabalho tem por objetivo descrever o valor percebido dos consumidores das camadas de baixa renda, moradores de bairros notadamente pobres de Porto Alegre, sobre o seu consumo de alimentos e produtos de limpeza, adquiridos preferencialmente em estabelecimentos comerciais (pequenos mercados) de bairros. Ao partir da premissa de que os consumidores das camadas de baixa renda pagam mais por seus alimentos e produtos de limpeza, se buscou investigar seus hábitos de consumo, procurando entender as motivações que norteiam seu consumo, aspectos cujo entendimento nos leva também a compreender o valor percebido que estes consumidores atribuem ao seu universo de consumo. Para tanto, o trabalho foi apoiado num referencial teórico essencialmente da área de marketing, transitando por aspectos essenciais da disciplina, como preço, comportamento de consumo, níveis de envolvimento e percepção de valor (noção de justiça X noção de injustiça). A opção pela abordagem qualitativa deve-se ao fato de que o objeto de estudo não demanda um resultado que possa ser expresso em números, mas a descrição e o melhor entendimento de um fenômeno social. Recentemente, Deighton; MacInnis; McGill & Shiv (2010) destacaram as pesquisas conceituais como ricas em ideias, na maior parte das vezes inovadoras, interessantes, fundamentadas teoricamente e capazes de estimular outras pesquisas, além de proporcionarem novas maneiras de se pensar o comportamento do consumidor. A utilização de uma etapa de observação ao trabalho proporcionou uma vivência fundamental do universo de estudo e sedimentou o terreno para a elaboração e execução das entrevistas em profundidade, instrumento este que propiciou uma riqueza significativa de informações na sua coleta. Por fim, a análise de conteúdo, apoiada nos trabalhos de Bardin (1979) e Minayo (2012), trouxe à tona resultados que demonstram um valor percebido de seu consumo altamente positivo pelas camadas de baixa renda da população, afastando a ideia de injustiça pelos preços mais altos que pagam e colocando os estabelecimentos comerciais (pequenos mercados) de bairros de baixa renda no centro de um processo de sociabilização das comunidades, aonde as pessoas encontram confiança, ética e, em especial, um universo de consumo com o qual tem afinidade cultural, colocando o valor percebido em um patamar muito distante dos modelos tradicionais de preço, qualidade e conveniência.
Abstract This monograph aims to describe the perceived value of low-income consumers, residents of poor neighborhoods in Porto Alegre, on their consumption of food and cleaning products, preferably acquired in neighborhood’s shops (small markets). Based on the premise that consumers of low income populations pay more for their food and cleaning products, seek to investigate their consumption habits, trying to understand the motivations that guide their consumption, aspects whose understanding leads us also to understand the perceived value these consumers attach to their universe of consumption. Therefore, the work was supported by a theoretical framework mainly in the area of marketing, moving through the essential aspects of the discipline, such as price, to consumer behavior, levels of involvement and perceived value (notion of justice X notion of injustice). The choice of a qualitative approach is due to the fact that the object of study does not require a result that can be expressed in numbers, but an understanding, as it is a description of a social phenomenon at its best. Recently, Deighton; MacInnis; Shiv & McGill (2010) highlighted the research conceptual as rich in ideas, in most cases innovative, interesting, theoretically grounded and able to stimulate further research, in addition to providing new ways of thinking about the behavior of consumer. Using an observation phase the work experience provided a fundamental study of the universe and cemented the ground for the development and implementation of in-depth interviews, this instrument that provided a significant wealth of information in its collection. Finally, content analysis, supported by the work of Bardin (1979) and Minayo (2012), brought up results that demonstrate a perceived value of their consumption highly positive by layers of low-income population, pushing the idea of injustice by higher prices they pay and putting commercial establishments (small markets) of low-income neighborhoods in the center of a process of socialization of communities, where people are trusted, ethical and, in particular, a universe with which the consumer has an cultural affinity, placing the perceived value at a level far away from the traditional models of price, quality and convenience.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/78678
Arquivos Descrição Formato
000900423.pdf (2.096Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.