Repositório Digital

A- A A+

Porta-voz entre dois mundos : uma análise da narrativa 'Malinche', de Laura Esquivel

.

Porta-voz entre dois mundos : uma análise da narrativa 'Malinche', de Laura Esquivel

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Porta-voz entre dois mundos : uma análise da narrativa 'Malinche', de Laura Esquivel
Autor Hoffmann, Elisa
Orientador Pavani, Cinara Ferreira
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Curso de Letras: Licenciatura.
Assunto Esquivel, Laura 1950-.
Identidade
Literatura mexicana
Memória
[es] Identidad
[es] Malinche
[es] Memoria
[es] Palabra
[es] Poder
Resumo O presente trabalho tem como objetivo analisar o romance Malinche, de Laura Esquivel, a partir do ponto de vista do poder da palavra exercida pela protagonista, bem como de sua relação com a cultura, as crenças, a memória e a identidade. Para situar a obra na história da literatura, utiliza-se as ideias do crítico Seymour Menton sobre a nueva novela histórica, que destaca o papel da mulher como protagonista na história. O contexto histórico tem como fundamentação alguns ensaios sobre o tema da conquista mexicana, dentre os quais se destacam os de Tzvetan Todorov. Estudos do filósofo alemão Ernest Cassirer, do historiador francês Jacques Le Goff e do filósofo e cientista social mexicano Octavio Paz dão suporte à análise de Malinche ao que diz respeito ao poder da palavra, à cultura, às crenças e à relação entre memória e identidade. O estudo se justifica pela importância do romance de Esquivel no contexto da literatura hispano-americana do século XX, na medida em que propõe uma visão renovada da história do México.
Resumen El presente estudio tiene como objetivo analizar la novela Malinche, de Laura Esquivel, desde el punto de vista de la función de la palabra en la trayectoria de la protagonista, así como su relación con la cultura, las creencias, la memoria e identidad. Para situar la obra en la historia de la literatura, se utiliza las ideas del crítico Seymour Menton respecto a la nueva novela histórica y acerca de la importancia de la función de la mujer como protagonista en la historia. El contexto histórico se fundamenta en algunos ensayos respecto al tema de la conquista mexicana, entre los cuales se destaca los de Tzvetan Todorov. Estudios del filósofo alemán Ernest Cassirer, del historiador francés Jacques Le Goff y del filósofo y científico social mexicano Octavio Paz sustentarán el análisis de Malinche acerca del poder de la palabra, de la cultura, de las creencias y de la relación entre la memoria y la identidad. El estudio se justifica por la importancia de la novela de Esquivel en el contexto de la literatura hispanoamericana del siglo XX, una vez que se propone una visión renovada de la historia de México.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/79036
Arquivos Descrição Formato
000900859.pdf (238.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.