Repositório Digital

A- A A+

A construção da cidadania através da identidade socioprofissional das mulheres rurais que participam em programas de microfinanciamento

.

A construção da cidadania através da identidade socioprofissional das mulheres rurais que participam em programas de microfinanciamento

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A construção da cidadania através da identidade socioprofissional das mulheres rurais que participam em programas de microfinanciamento
Autor Martínez Dajui, Esteban
Orientador Gehlen, Ivaldo
Data 2006
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia.
Assunto Cidadania
Identidade sócio-profissional
Microfinanciamento
Mulher rural
[en] Citizenship and Microfinance
[en] Socioprofessional Identity
Resumo A tese analisa o processo de construção de cidadania através da (re)definição da identidade socioprofissional de mulheres rurais. Trata-se de mulheres envolvidas em atividades agropecuárias, agroindustriais e artesanais, que participam em dois programas de microfinanciamento – o Proyecto de Desarrollo Rural Integral Autosostenible (PDRIA), no México, e o Sistema de Cooperativa de Crédito com Integração Solidária (CRESOL), no Brasil – para o acesso aos instrumentos produtivos (crédito, capacitação e assistência técnica). Neste sentido, a (re)definição da identidade profissional, as qualifica para o domínio dos instrumentos produtivos e dos processos decisórios que lhes atribui reconhecimento pela validação social dessas atividades, através do acesso ao mercado ao serviço de assistência técnica. Este processo de inclusão, através do microfinanciamento, agrega renda na família e dinamiza o desenvolvimento rural tanto na propriedade familiar quanto na localidade. O acesso e usos do crédito possibilitam às mulheres agregarem atividades que contribuem para a reprodução social das famílias agricultora, porém, sem romper com as atividades tradicionais e em muitos casos, ampliando-as. Esta aquisição de identidades socioprofissional possui profunda inter-relação com o sentido e conceito do trabalho. O desenvolvimento da cidadania está se materializando através do processo de profissionalização com apoio das políticas do microfinanciamento e, esta experiência estimula a participação em outras organizações na sociedade e mesmo na política. Este processo amplia suas necessidades simbólicas, além das materiais, estimulando a apropriação de conhecimentos e de acessos a bens culturais que facilitam a vinculação de sua cidadania ao processo de globalização, atribuindo maior competitividade às atividades produtivas.
Abstract This thesis deals with the process of construction of citizenship through the redefinition of professional identity of rural women. It concerns to women that are involved in farm, agro industrial and craftsmanship activities who participate in two programs of microfinance – Proyecto de Desarrollo Rural Integral Autosostenible (PDRIA), in Mexico, and Sistema de Cooperativa de Crédito com Integração Solidária (CRESOL), in Brazil – in order to access the productive instruments (credit, capacitation and technical assistance). In this sense, the redefinition of the professional identity qualifies them to the domain of the productive instruments and the processes of decision which attribute them recognition for the validation of these activities through the access to the market and technical assistance services. This process of inclusion through microfinance adds economic resources in the family and becomes rural development more dynamic in the familiar property and also in the community. However, the access and the uses of the credit become possible to the women to add activities that contribute to the social reproduction of the agricultural families without breaking traditional activities and, in many cases, wide them. This acquisition of socioprofissional identities has some deep interrelation with sense and concept of work. The citizenship development is raising through the process of professionalization with some support of microfinance policies and this experience stimulates the participation in other organizations of the society and even so in politics. This process increases their symbolical necessities, besides material necessities, stimulating the appropriation of knowledge and the access of cultural possessions that facilitate the linkage of their citizenship to the globalization process, and become their productive activities more competitive.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/7907
Arquivos Descrição Formato
000560166.pdf (1.177Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.