Repositório Digital

A- A A+

Competitividade, eficiência econômica e efeitos de políticas em diferentes níveis tecnológicos na cadeia produtiva do leite em pó integral no Rio Grande do Sul : uma análise do método da matriz de análise de políticas (MAP)

.

Competitividade, eficiência econômica e efeitos de políticas em diferentes níveis tecnológicos na cadeia produtiva do leite em pó integral no Rio Grande do Sul : uma análise do método da matriz de análise de políticas (MAP)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Competitividade, eficiência econômica e efeitos de políticas em diferentes níveis tecnológicos na cadeia produtiva do leite em pó integral no Rio Grande do Sul : uma análise do método da matriz de análise de políticas (MAP)
Outro título Competitiveness, economic efficiency and effects of policies in different levels in technological in supply chain of whole milk powder in rio grande do sul: an analysis of the method of policy analysis matrix (PAM)
Autor Freitas, João Batista de
Orientador Revillion, Jean Philippe Palma
Data 2013
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Estudos e Pesquisas em Agronegócios. Programa de Pós-Graduação em Agronegócios.
Assunto Cadeia produtiva
Economia agrícola
Indústria agrícola
Leite em po
Produção agrícola
[en] Decision-making
[en] Economic indicators
[en] Market failure
[en] Profit
[en] Tax policy
Resumo Em 2011, o Brasil foi o terceiro maior exportador de produtos agrícolas, respondendo por 7,9% do total do comércio agrícola mundial (MAPA, 2012). No comércio internacional do leite, o país ocupa uma posição de destaque, sendo o quarto colocado na produção mundial de leite in natura (FAO, 2013). Já no contexto do leite em pó integral, o Brasil é o quarto colocado na produção mundial, o segundo colocado no consumo mundial e o terceiro colocado nas importações mundiais (USDA, 2012). Nesse contexto, a pesquisa teve como problemática a seguinte indagação: é possível apresentar competitividade (a valores privados) e eficiência econômica (a valores sociais) em cadeias produtivas de leite em pó integral com três diferentes níveis tecnológicos localizadas no estado do Rio Grande do Sul em 2012? No intuito de responder ao problema de pesquisa, adotou-se o método de Monke e Pearson (1989), a Matriz de Análise de Políticas (MAP). As cadeias produtivas analisadas foram caracterizadas da seguinte forma: Cadeia Produtiva de Leite em Pó Integral tipo I (CPLEI-I): para o sistema de produção de leite tradicional, “com nível tecnológico baixo”; Cadeia Produtiva de Leite em Pó Integral tipo II (CPLEI-II): para o sistema de produção melhorado, “com nível tecnológico médio”; e Cadeia Produtiva de Leite em Pó Integral tipo III (CPLEIIII): para o sistema de produção avançado, “com nível tecnológico alto”. Os resultados da pesquisa evidenciam que todas as cadeias produtivas analisadas apresentaram ganhos na forma de lucros privados, acima da segunda melhor alternativa de investimento dos recursos produtivos. No entanto, os agentes foram liquidamente taxados, tendo os valores dos lucros privados reduzidos de 41% a 58%, conforme os Coeficientes de Lucratividade (CLS). De maneira geral, a cadeia mais intensiva em uso de insumos modernos apresentou mais efeitos penalizadores de políticas tributárias do que aquelas com menores índices de inovação, conforme valores das Razões dos Custos Privados (RCPS), que foram de: CPLEI-II: 0,72; CPLEI-I: 0,46; e CPLEI-III: 0,26. Assim, os resultados indicaram que, na CPLEI-II, 72% de seu valor adicionado (medido pela diferença entre a receita e os custos dos insumos comercializáveis) foram utilizados para o pagamento de fatores domésticos. Além disso, aproximadamente 50% dos lucros privados dos agentes foram reduzidos em função das tributações e outras falhas de mercado, considerando as diferenças entre o lucro corrente (lucro privado) e aquele que deveria existir (lucro social), com valores de Transferências Líquidas de Políticas (TLPS), entre R$ -760,59 e R$ -594,22. Por fim, conclui-se que as três cadeias produtivas apresentaram competitividade (a valores privados) e eficiência econômica (a valores sociais), porém em proporções diferentes. Além do mais, os resultados asseguram que as cadeias remuneram os fatores domésticos (terra, capital e trabalho) à taxa interna de retorno sobre o capital investido nos ativos fixos, com um retorno superior ao das taxas alternativas de investimentos (como, por exemplo, a caderneta de poupança). Em se tratando de contribuições, a pesquisa forneceu um conjunto de indicadores econômicos que podem ser de grande importância na formulação de políticas e na tomada de decisão sobre a gestão dos riscos econômicos de produção e comercialização de leite em pó integral, nas dimensões macroanalítica (internacional e nacional), mesoanalítica (setorial) e microanalítica (empreendimentos).
Abstract In 2011, Brazil was the third largest exporter of agricultural products, accounting for 7.9% of the total world agricultural trade (MAPA, 2012). In terms of world dairy trade, the country occupies a remarkable position, as it is the world’s fourth largest producer of milk (FAO, 2013). Concerning whole milk powder, Brazil is the fourth largest producer, the second largest consumer and the third biggest importer (USDA, 2012). Considering this context, the problem addressed by this research was the following: Could whole milk powder production chains at three different technological levels be competitive (at private values) and economically efficient (at social values) in Rio Grande do Sul in 2012? Aiming at answering the research problem, the method known as Policy Analysis Matrix (PAM), developed by Monke and Pearson (1989), was adopted. The production chains analyzed were characterized as follows: Type I – Whole Milk Powder Production Chain (MPC-I): traditional milk production system, “with low technological level”; Type II – Whole Milk Powder Production Chain (MPC-II): improved production system, “with medium technological level”; and Type III – Whole Milk Powder Production Chain (MPC-III): advanced production system, “with high technological level”. The results evidenced that all the production chains analyzed generated earnings in the form of private profits, above the second best alternative of investment of the production resources. However, the agents were liquidly taxed, and the reductions of the private profit values ranged from 41% to 58%, according to the Profitability Coefficients (PCs). In general, the chain in which the use of modern inputs was more intensive suffered more penalizing effects of taxation policies than the chains showing lower innovation indexes, according to the values of Private Cost Ratios (PCRs), which were the following: MPC-II: 0.72; MPC-I: 0.46; and MPC-III: 0.26. Therefore, the results pointed that 72% of MPC-II added value (measured through the difference between revenue and costs of tradable inputs) were used to pay for domestic factors. Besides, about 50% of the private profits obtained by the agents were reduced due to taxations and other market failures, considering the differences between the current profit (private profit) and the one that should exist (social profit), with values of Net Policy Transfers (NPT), between R$ -760.59 and R$ - 594.22. Finally, it was concluded that the three production chains showed competitiveness (at private values) and economic efficiency (at social values), but with different proportions. Furthermore, the results ensure that the chains pay for the domestic factors (land, capital and work) at the internal rate of return on the capital invested in fixed assets, with a higher return than those provided by alternative investments (such as, for instance, savings accounts). Regarding contributions, the research provided a set of economic indicators that may be very important to policy formulation and decision-making involving the management of economic risks of both production and marketing of whole milk powder, in the macro-analytical (international and national), meso-analytical (sector) and micro-analytical (businesses) dimensions.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/79525
Arquivos Descrição Formato
000902003.pdf (1.358Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.