Repositório Digital

A- A A+

Sítio arqueológico de São Miguel Arcanjo : avaliação conceitual das intervenções 1925-1927 e 1938-1940

.

Sítio arqueológico de São Miguel Arcanjo : avaliação conceitual das intervenções 1925-1927 e 1938-1940

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sítio arqueológico de São Miguel Arcanjo : avaliação conceitual das intervenções 1925-1927 e 1938-1940
Outro título Archeological Site of São Miguel Arcanjo: Conceptual evaluation of the Interventions - 1925-1927 and 1938-1940
Autor Stello, Vladimir Fernando
Orientador Greven, Helio Adao
Data 2005
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil.
Assunto Patrimônio histórico : Preservação
Restauração (Arquitetura)
São Miguel Arcanjo, Sítio arqueológico (São Miguel das Missões, RS)
[en] Monuments conservation
[en] Reductions
[en] Theory and history of the restoration
Resumo Os remanescentes das reduções Jesuíticas dos Guarani dos séculos XVII e XVIII, formam um importante Patrimônio Cultural comum à Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. Representam uma das etapas de maior influência na formação histórica das sociedades aí existentes. A Redução de São Miguel Arcanjo foi um dos trinta povos missioneiros da Província Jesuítica do Paraguai e teve sua instalação no sítio atual em 1687. Seus remanescentes hoje fazem parte do Patrimônio Nacional, através do tombamento federal efetuado em 1938, e foram declarados como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1983. No Brasil, o processo de reconhecimento da importância do legado missioneiro data de muitas décadas. Inicialmente, foi feita uma ação de preservação dos remanescentes do antigo povo de São Miguel Arcanjo pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul em 1925-1927, obra que garantiu a preservação deste monumento. Em 1938 o Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (SPHAN) iniciou a sua primeira grande obra de restauração. Na mesma época, foi construído o Museu das Missões, projetado pelo arquiteto Lucio Costa, para abrigar a coleção de arte sacra barroco-missioneira existente. Este trabalho objetiva avaliar as primeiras ações de salvaguarda realizadas nos remanescentes de São Miguel, à luz da evolução dos critérios internacionais de preservação do patrimônio cultural - anteriores, contemporâneos e posteriores às intervenções, demonstrando a correção e a atualidade conceitual das mesmas. A partir da contextualização histórica do monumento e da sistematização das informações sobre as obras nele empreendidas, procurou-se averiguar a consonância com os preceitos de restauração da época em que foram realizadas bem como o seu avanço em relação às modernas teorias de preservação. A análise empreendida demonstrou que, embora tecnicamente possa haver críticas, os conceitos utilizados foram coerentes e podem ser considerados atuais. Em função destas ações precursoras é possível se ter a possibilidade de apreciar um monumento desta representatividade e importância para a história da arquitetura e da restauração.
Abstract The remainders of the Jesuit reductions of the Guarani in the XVII and XVIII centuries, form an important Cultural Patrimony common to Argentina, Brazil, Paraguay and Uruguay. Representing one of the larger influence stages there in the historical formation of the existent societies. The Reduction of São Miguel Arcanjo was one of the thirty missioneiros people of the Jesuit Province of Paraguay and had installation in the current site in 1687. Their remainders today are part of the National Patrimony, through the federal land registration made in 1938, and declared as Patrimony of the Humanity by UNESCO in 1983. In Brazil, the recognition process of the missioneiro legacy importance dates from a lot of decades. Initially, it was made a preservation action for old remainders from São Miguel Arcanjo by the Government of the Rio Grande do Sul State in 1925-1927, work that guaranteed the preservation of this monument. In 1938 the Service of the National Historical Artistic and Patrimony (SNHAP) began its first great restoration work. In the same time, the Missions Museum was built, projected by the architect Lucio Costa, to shelter the collection of sacred art Baroque-missioneira existent. This paper aims at to evaluate the first safeguard actions accomplished in São Miguel's remainders, to the light of the international evolution criteria of the cultural patrimony preservation - previous, contemporary and subsequent for the interventions, demonstrating the correction and the conceptual present time of the same ones. Starting from the historical monument contextualization and systematization of the works in its undertaken, it was tried to discover the consonance with the precepts of restoration of the period in that it was accomplished as well as its progress in relation to the modern preservation theories. The undertaken analysis demonstrated that, although technically it can have critics, the used concepts were coherent and they can be considered current. In function of these precursory actions we have the possibility to appreciate a monument of this representative and importance for the architecture history and restoration.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/7964
Arquivos Descrição Formato
000563216.pdf (14.09Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.