Repositório Digital

A- A A+

Unidades terminológicas complexas : um estudo lexical no âmbito da análise sensorial enológica

.

Unidades terminológicas complexas : um estudo lexical no âmbito da análise sensorial enológica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Unidades terminológicas complexas : um estudo lexical no âmbito da análise sensorial enológica
Autor Duarte, Denise dos Santos
Orientador Abreu, Sabrina Pereira de
Data 2001
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Linguagem e línguas
Resumo Esta pesquisa investigou o comportamento das unidades terminológicas complexas (UTCs) no âmbito da Análise Sensorial Enológica, visando a contribuir para o avanço dos estudos terminológicos. Para tanto, adotamos os resultados encontrados em Café (1999), os quais forneceram dez regras de formação para as UTCs na área da Biotecnologia dos Vegetais, e verificamos o comportamento de tais unidades léxicas em uma das áreas da Enologia. O corpus foi extraído de Ratti (1984), recebendo tratamento computacional dos programas desenvolvidos por Zinglé (1997 e ss.). Na seqüência, além da organização das UTCs por regra de formação, bem como a indicação de sua respectiva representação sintática e morfológica, cada um dos elementos constitutivos da UTC foi, também, classificado dentro dos critérios e funções adotadas no modelo de Café. Os resultados apontam para a predicação nuclear do tipo [ ф [ x 1 ] ] como sendo o padrão de formação no domínio examinado.
Abstract This research investigated the behavior of complex terminological units (UTCs) in the scope of enologic sensory analysis, aiming to contribute to the advancement of terminological studies. In order to reach that purpose, we adopted the results found in Café (1999), which supplied 10 formation rules for the UTCs in the area of biotechnology of vegetables, and we verified the behavior of such lexical units into one of the areas of enology. The corpus was extracted from Ratti (1984), receiving computerized treatment by programs developed by Zinglé (1997). In the sequence, the UTCs were organized according to the formation rules and their respective syntactic and morphologic representation. Moreover, each one of the elements of the UTCs were also classified according to the criteria and functions adopted in Café‟s model. So, the analysis of the organization of the UTCs in the scope of enologic sensory analysis was based on those procedures. In conclusion, the results point to the nuclear predication of type [ ф [ x 1 ] ] as being the standard formation in the investigated domain.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/79717
Arquivos Descrição Formato
000301106.pdf (2.062Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.