Repositório Digital

A- A A+

Papel de receptores monoaminérgicos, colinérgicos e glutamatérgicos no efeito pró-mnéstico de Ptychopetalum olacoides Bentham (Olacaceae)

.

Papel de receptores monoaminérgicos, colinérgicos e glutamatérgicos no efeito pró-mnéstico de Ptychopetalum olacoides Bentham (Olacaceae)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Papel de receptores monoaminérgicos, colinérgicos e glutamatérgicos no efeito pró-mnéstico de Ptychopetalum olacoides Bentham (Olacaceae)
Autor Silva, Adriana Lourenço da
Orientador Elisabetsky, Elaine
Data 2006
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Ciências Básicas da Saúde. Curso de Pós-Graduação em Ciências Biológicas: Bioquímica.
Assunto Marapuama : Ação amnésica
Marapuama : Sistema dopaminergico
Marapuama : Sistema noradrenergico
Memória de curta duração
Memória de longa duração
Ptychopetalum olacoides : Sistema nervoso central
Resumo As raízes de Ptychopetalum olacoides Bentham (PO) (Olacaceae), popularmente conhecida como Marapuama, são usadas na Amazônia para tratar sintomas de doenças relacionadas ao sistema nervoso central. Já havíamos demonstrado que o extrato etanólico de PO (EEPO) facilita a evocação da memória de longa duração (MLD) e reverte o déficit de memória em camundongos envelhecidos na tarefa de esquiva inibitória, tem propriedades antioxidantes e anticolinesterásicas. Neste estudo mostramos que EEPO melhora a memória de curta duração (MCD) e MLD tanto quando administrado por via intraperitoneal (50 e 100 mg/kg) quanto por via oral (800 e 1000 mg/kg). Além disso, mostramos que o efeito pró-mnésico de EEPO (100 mg/kg) também se verifica na tarefa não aversiva de reconhecimento de objetos. Através do uso de antagonistas verificou-se que o efeito pró-mnésico de EEPO requer a participação de receptores colinérgicos, β (mas não α1) adrenérgicos, D1 (mas não D2) dopaminérgicos, serotoninérgicos 5-HT2A. Estes resultados estão de acordo com estudos prévios que sugeriram a interação de EEPO com vários sistemas de neurotransmissores. Estes resultados também estão de acordo com as alegações terapêuticas feitas por usuários de Marapuama, usada prevalentemente por idosos, convalescentes de doenças do SNC e/ou períodos de grande stress físico ou mental. Finalmente, considerando os resultados deste trabalho, os correlatos bioquímicos já identificados em EEPO e o uso tradicional em humanos, os resultados sugerem fortemente o potencial desta espécie para o desenvolvimento de droga útil a condições que apresentam déficit cognitivo, tais como envelhecimento e mal de Alzheimer.
Abstract Ptychopetalum olacoides Bentham (PO) (Olacaceae) roots, commonly known as Marapuama, are used throughout the Amazon to treat symptoms related to central nervous system disturbances. We had previously shown that an ethanol extract of PO (POEE) facilitates long term memory (LTM) retrieval, and reverses memory deficits in ageing mice using the inhibitory avoidance task, possesses antioxidant and anticholinesterase properties. In this study we show that POEE facilitates short term memory (STM) and LTM when administered intraperitoneally (50 e 100 mg/kg) or orally (800 e 1000 mg/kg). Moreover, we showed that the promnesic effect of POEE (100mg/kg) is also verified with the non aversive task of object recognition. By using specific antagonists we also verified that the promnesic effect of POEE requires the participation of cholinergic, β (but not α1) adrenergic, D1 (but not D2) dopaminergic, 5- HT2A serotoninergic receptors. These results are in agreement with previous data suggesting the interaction of POEE with various neurotransmitter systems. The present results are also in accordance with the therapeutic properties alleged by Marapuama traditional users, which is predominantly used by the elder, by those convalescents from CNS disorders and/or those undergoing periods of high physical or mental stress. Finally, considering the results of this study, the neurochemical correlates already identified for POEE and the traditional use in human beings, these results markedly point a great potential of this species for drug development for conditions presenting cognitive deficit, including ageing and Alzheimer disease.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/7972
Arquivos Descrição Formato
000563403.pdf (1.412Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.