Repositório Digital

A- A A+

Determinação instantânea da relação água/cimento através do método da resistividade elétrica em concretos no estado fresco

.

Determinação instantânea da relação água/cimento através do método da resistividade elétrica em concretos no estado fresco

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Determinação instantânea da relação água/cimento através do método da resistividade elétrica em concretos no estado fresco
Autor Gaspari, Mateus Monegat de
Orientador Masuero, Angela Borges
Co-orientador Mancio, Mauricio
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Civil.
Assunto Engenharia civil
Resumo O concreto armado é conhecidamente o material mais utilizado na execução de estruturas. Como uma falha grave durante esta etapa da edificação pode levar à inviabilização do empreendimento, procedimentos para garantir a qualidade tanto do método executivo, quanto do concreto utilizado na execução dos elementos devem ser adotados. A relação água/cimento é um dos mais importantes parâmetros que regem a resistência e durabilidade do concreto, devido à sua relação com a porosidade e permeabilidade do material. Como os métodos para aceitação do concreto em obra estabelecidos nos dias de hoje não retornam informações diretas sobre a relação água/cimento (e sendo assim, sobre a resistência à compressão do concreto), procedimentos de determinação instantânea da relação água/cimento trariam um avanço importante para o controle tecnológico do concreto. Dentro deste contexto, o método da resistividade elétrica surge como uma alternativa interessante de contribuição nesta área. Este trabalho tem como objetivo montar um equipamento que relaciona a resistividade elétrica do concreto fresco com sua relação água/cimento, baseando-se na premissa de que a resistividade elétrica é função da concentração de íons da solução, que por sua vez é definida pela relação a/c do concreto. A calibragem do aparelho foi realizada através de ensaios em soluções de água com variadas concentrações conhecidas de sal, e permitiram a conversão das leituras de voltagem em resistividade elétrica. Uma relação empírica foi descoberta entre a resistividade elétrica do concreto fresco e sua relação água/cimento. O equipamento e a metodologia utilizada foi a de Mancio et al. (2010). Uma série de ensaios foi realizada com o aparelho, em concretos com variadas relações água/cimento conhecidas (0,48; 0,63 e 0,78), em traços dosados com dois tipos de cimentos (CP IV – 32 e CP V – ARI). Os dados dos ensaios foram estatisticamente tratados e uma correlação entre a relação água/cimento e a resistividade elétrica foi estabelecida, confirmando as expectativas de que o método pode ser usado como uma ferramenta para determinação da relação a/c em campo.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/79779
Arquivos Descrição Formato
000897463.pdf (1.652Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.