Repositório Digital

A- A A+

Percepção da qualidade das modalidades de transporte mais usadas pela população : estudo na cidade de Porto Alegre

.

Percepção da qualidade das modalidades de transporte mais usadas pela população : estudo na cidade de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Percepção da qualidade das modalidades de transporte mais usadas pela população : estudo na cidade de Porto Alegre
Autor Silva, Patrícia Canabarro da
Orientador Albano, Joao Fortini
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Civil.
Assunto Engenharia civil
Resumo A mobilidade urbana no País enfrenta profundas mudanças, devido ao aumento do transporte individual, seja pelo encarecimento das tarifas no transporte coletivo e queda na qualidade, ou simplesmente pelo conforto individual. Esta alteração no retrato da mobilidade urbana acarretou sobrecarga no sistema viário em horários de pico, dificuldade nos deslocamentos, desperdício de tempo e combustível, além dos problemas ambientais de poluição atmosférica e de ocupação do espaço público. No mundo inteiro, a tendência é substituir o transporte individual motorizado por bicicletas, ônibus e metrôs, principalmente, utilizando a integração entre os modais. As cidades com a mobilidade urbana mais evoluída já dispõem de bicicletários em todas as estações de metrô, inclusive com bicicletas públicas. Em muitos dos centros destas cidades o acesso de automóveis é bastante restrito, alguns possuem, inclusive, sistema de pedágio para dificultar o trânsito nas áreas centrais. Entretanto nas grandes cidades brasileiras, as ruas encontram-se lotadas de carros e ônibus, com pouco espaço dedicado para pedestres e quase nenhum para os ciclistas. Diante disso, este trabalho buscou analisar a percepção, da população de Porto Alegre, quanto à qualidade das modalidades de transportes mais utilizadas em seus deslocamentos diários urbanos. Para isso, utilizou-se o método do Desdobramento da Função Qualidade (QFD), em que a pesquisa de mercado é uma de suas etapas iniciais. Aplicaram-se dois questionários, que foram encaminhados aos entrevistados por meio eletrônico utilizando um site específico para este fim, visando garantir o anonimato das respostas. Através do questionário prévio, obteve-se os modos de transportes mais utilizados pela população de Porto Alegre que foram o automóvel, ônibus e a pé. Como resposta ao segundo questionário obteve-se a satisfação referente a cada modal, o modo a pé recebeu a melhor nota, sendo classificada como bom, o automóvel foi classificado como regular-bom e o ônibus teve a pior classificação dentre os três, ruim-regular, refletindo as percepções da população local.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/79782
Arquivos Descrição Formato
000897512.pdf (2.013Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.