Repositório Digital

A- A A+

Recomendação de adubação potássica para trigo, milho e soja sob sistema plantio direto no Paraguai

.

Recomendação de adubação potássica para trigo, milho e soja sob sistema plantio direto no Paraguai

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Recomendação de adubação potássica para trigo, milho e soja sob sistema plantio direto no Paraguai
Outro título Recommendation of potassium fertilization for no-till wheat, corn and soybean in Paraguay
Autor Wendling, Ademir
Eltz, Flavio Luiz Foletto
Cubilla, Martin Maria
Amado, Telmo Jorge Carneiro
Mielniczuk, Joao
Resumo A ferramenta mais utilizada para se recomendar adubação é a análise de solo. Com ela é possível avaliar o estado de fertilidade do solo e determinar a quantidade de nutrientes necessária para o adequado crescimento e desenvolvimento das plantas. Para que isso seja possível, é necessário ter tabelas de interpretação e recomendação elaboradas a partir de experimentos realizados em campo. Um sistema de recomendação de adubação normalmente visa suprir a demanda das culturas e elevar os teores no solo ao nível de suficiência. Com o objetivo de obter informações para elaboração de uma tabela de interpretação de teores no solo e recomendação de adubação potássica para solos cultivados em plantio direto, foram realizados sete experimentos em rede em quatro Departamentos do Paraguai: dois no departamento de Missiones, dois no Departamento de Itapúa, dois no Departamento de Alto Paraná e um no Departamento de Amanbay. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso, com três repetições. Os tratamentos consistiram de cinco doses de K2O (0, 25, 50, 75 e 100 kg ha-1) aplicadas em superfície antes da semeadura das culturas. As adubações de N e P foram constantes e satisfatórias para atender as necessidades das culturas, utilizando-se a dose de 100 kg ha-1 de P2O5 para trigo, milho e soja, 60 kg ha-1 de N para o trigo e 180 kg ha-1 de N para o milho. Foram determinados o teor de K no solo pelo método Mehlich-1 após cada cultura, e o rendimento de grãos de trigo, milho e soja. Foi calculado o rendimento relativo para cada experimento e cultura, e utilizou-se a equação de Mitscherlich para descrever a relação entre os teores de K no solo e os valores de rendimento relativo (curva de calibração). O teor crítico médio para as três culturas, definido como o valor do nutriente no solo para a probabilidade de resposta de aproximadamente 90 % do rendimento máximo, foi de 75 mg dm-3. Foi necessário aplicar 5 kg ha-1 de K2O para elevar em 1 mg dm-3 o teor de K no solo. Em teores no solo acima de 150 mg dm-3, as plantas apresentaram baixa resposta à aplicação de fertilizantes potássicos.
Abstract Soil test is the most widely used tool to determine the soil fertility status and fertilizer demand for crop production. Tables of soil analysis interpretations and fertilizer recommendation based on field experiments are required for this purpose. A recommendation system normally aims at supplying crop requirements and improving soil fertility levels to a sufficient degree. To obtain information for building K interpretation and recommendation tables, seven experiments were carried out with wheat, corn and soybean in four Paraguayan Departments: two in Misiones, two in Itapua, two in Alto Paraná and one in the Department of Amanbay. The experimental design was random blocks with three replications. Treatments consisted of five K2O levels (0, 25, 50, 75, and 100 kg ha-1) broadcast on the soil surface before sowing. N and P were fertilized at constant and satisfactory rates to supply crop requirements. For wheat, corn and soybean 100 kg ha-1 P2O5 was applied; for wheat 60 kg ha-1 N and for corn 180 kg ha-1 N. Exchangeable potassium was determined in the soil by the Mehlich-1 method as well as the wheat, corn and soybean grain yield. The relative yield for each crop and site was calculated. The Mitscherlich equation was used to establish a calibration curve that describes soil K values determined by the Mehlich- 1 method and the relative yield. The critical level was defined as the soil nutrient level sufficient to reach 90 % of maximum yield. The average critical K level in the soil determined by Mehlich- 1 for wheat, corn and soybean under no-tillage system in Paraguay was 75 mg dm-3. To increase the K level by one mg dm-3 in the soil, 5 kg ha-1 K2O is needed. In soils with K content above 150 mg dm-3 the plant response to potassium fertilization was low.
Contido em Revista brasileira de ciencia do solo. Campinas. Vol. 32, n. 5 (set./out. 2008), p. 1929-1939
Assunto Adubacao
Fertilidade do solo
Paraguai
Plantio direto
[en] Fertility classes
[en] K critical level
[en] K recommendation
[en] Mehlich-1 calibration
[en] No-till sowing
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/79915
Arquivos Descrição Formato
000693479.pdf (1.314Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.