Repositório Digital

A- A A+

Uso de termografia para avaliação da temperatura em cirurgias laser PRK

.

Uso de termografia para avaliação da temperatura em cirurgias laser PRK

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Uso de termografia para avaliação da temperatura em cirurgias laser PRK
Autor Vieira, Luiz Rosa
Orientador Strohaecker, Telmo Roberto
Data 2006
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Minas, Metalúrgica e de Materiais.
Assunto Ciência dos materiais
Termografia
Resumo Hipermetropia e miopia são problemas visuais freqüentes que decorrem de uma conformação inadequada da córnea. Esta inadequação pode ser corrigida com o emprego de métodos cirúrgicos através dos quais a curvatura dessa lente biológica é modificada. A possibilidade de dano na córnea, durante cirurgias refrativas, tem sido uma preocupação constante e um risco sempre presente, independentemente do método cirúrgico utilizado. Um limite de temperatura aceitável, dentro de uma margem de segurança prudente, tem sido buscado, existindo vários artigos sobre o assunto, não tendo sido encontrada, contudo, uma abordagem na forma aqui apresentada. O presente trabalho foi desenvolvido em duas etapas, sendo uma experimental preparatória, quando foram desenvolvidos estudos preliminares para projeto, montagem e teste dos acessórios necessários para pesquisa. Com o emprego destes acessórios foram feitas medições em olhos de suínos ex vivo, no sentido de determinar a emissividade da superfície da córnea usando termômetros de contato, forno corpo negro e termografia. Conhecidos os valores de emissividade da córnea, com e sem a camada epitelial, teve início a segunda etapa, também experimental, do trabalho. Inicialmente foram efetuadas medições, já com a participação de pacientes voluntários, para a elaboração de um protocolo para a análise das imagens infravermelhas, que seriam coletadas durante a realização de cirurgias laser. Estabelecido o protocolo, teve inicio o monitoramento da temperatura, através da gravação dinâmica de imagens, para posterior mapeamento dos campos de temperatura, de procedimentos cirúrgicos para correção de hipermetropia e miopia. Da análise das imagens gravadas, concluiu-se ser a termografia uma técnica eficaz para a medição dos campos de temperatura no olho humano, durante a realização de cirurgias empregando fontes laser e, ainda, que a temperatura final da superfície do globo ocular é baixa, não chegando aos 39 ºC em qualquer dos casos monitorados. Nestas cirurgias, foi empregada uma metodologia, desenvolvida pelo cirurgião, para controle da temperatura, que consistiu no uso de colírio anestésico refrigerado, na fase pré-operatória e após a aplicação do laser, seguido da instalação de lente gelatinosa, também refrigerada e aplicação de mais colírio anestésico refrigerado.
Abstract Hypermetropia and myopia are frequent visual problems that happen due to an inadequate cornea conformation. This inadequacy may be amended by means of surgical procedures that modify the curvature of this biological lens. The possibility of damage on the cornea during refractive surgery has been a constant concern and an ever-present hazard, independently of the surgical method used. A limit of acceptable temperature, within a prudent safety margin, has been pursued and there are various papers about the subject; however, with an approach different from the one that is introduced here. The present research was developed in two parts: an experimental preparatory one, in which preliminary studies for the project, assemblage and test of the necessary accessories for the research were performed. With the use of these accessories, measurements of swine eyes ex vivo were made in order to determine the emissivity of the cornea ocular region, by using contact thermometers, black body furnace, and thermography. After the cornea emissivity values were found, with and without the epithelial stratum, the second phase of the research, which was also experimental, began. It comprised the measurement of self-conscious volunteers to establish a protocol for the analysis of the infrared images, which would be collected during laser surgeries. After this protocol was established, the monitoring of the temperature was proceeded, through the dynamic recording of images, for mapping the temperature fields throughout surgical procedures to the improvement of myopia and hypermetropia. From the analysis of the images recorded, it was concluded that thermography is an effective instrument for field temperature measuring of the human eye during surgeries involving laser sources. It was also found that the temperature on the eye surface, after the surgery, was below 39 ºC in any of the cases studied. In these surgeries, a methodology developed by surgeon, for the control of the temperature, which consisted in the use of chilled collyrium at the presurgical phase and after the laser application, followed by the implantation of gelatinous lenses, also chilled and the instillation of more chilled collyrium.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/8000
Arquivos Descrição Formato
000564202.pdf (2.587Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.