Repositório Digital

A- A A+

Disponibilidade de fósforo em solos cultivados com arroz irrigado por alagamento no Rio Grande do Sul

.

Disponibilidade de fósforo em solos cultivados com arroz irrigado por alagamento no Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Disponibilidade de fósforo em solos cultivados com arroz irrigado por alagamento no Rio Grande do Sul
Outro título Phosphorus availability in soils with flooded rice in Rio Grande do Sul, Brazil
Autor Gonçalves, Gustavo Kruger
Meurer, Egon Jose
Resumo Nos solos cultivados com arroz irrigado por alagamento no Estado do Rio Grande do Sul, a maior fração do P inorgânico está ligada a óxidos de Fe. Espera-se que um extrator que tenha a capacidade de extrair o P adsorvido a estes óxidos possa ser mais eficiente para avaliar a disponibilidade de P para as plantas de arroz. Considerando o exposto, realizou-se um experimento, em casa de vegetação, com amostras de cinco solos do Rio Grande do Sul com o objetivo de avaliar a disponibilidade de P no solo para o arroz. Foram testados os seguintes métodos: Mehlich-1, Mehlich-3, resina de troca aniônica em lâminas, Olsen e P-oxalato a pH 6. Os solos foram previamente incubados com três doses de P na forma de superfosfato triplo e, posteriormente, cultivados com arroz, em condições reduzidas, durante 38 dias. Os coeficientes de determinação obtidos entre o P acumulado pelas plantas de arroz e o P extraído dos solos foram: 0,83* para o Mehlich-1, 0,81* para o Mehlich-3, 0,88* para a resina de troca, 0,85* para o Olsen e 0,59* para o P-oxalato. A separação dos solos em dois grupos segundo o material de origem e os teores de óxidos de Fe de baixa cristalinidade, extraídos com oxalato a pH 6, resultou em melhor eficiência dos métodos testados para avaliar a disponibilidade do P para o arroz.
Abstract In the paddy rice soils in the of Rio Grande do Sul State, Brazil, most inorganic P is bound to Fe oxides. It is expected that an extractant that has the capacity to extract P adsorbed to these oxides would be more efficient to evaluate the availabil-ity to rice plants. A study was carried out in a greenhouse, with five soils samples from the State of Rio Grande do Sul, to evaluate P availability to rice, extracted by the following methods: Mehlich-1, Mehlich-3, anion exchange resin, Olsen and P-oxalate. The soils were first incubated with three doses of triple superphosphate and then planted with rice, in under anaerobic conditions, during 38 days. The determination coefficient between P uptake by rice plants and soil-extracted P was: 0.83* for Mehlich-1, 0.81* for Mehlich-3, 0.88* for anion exchange resin, 0.85* for Olsen and 0.59* for P-oxalate. The efficiency of the tested methods to evaluate the availability of P to rice was improved by the separation of soils in two groups, according to the origin and contents of low-crystalline Fe oxides, extracted with oxalate at pH 6.
Contido em Revista brasileira de ciencia do solo. Campinas. Vol. 32, nesp. (out./dez. 2008), p.2745-2750
Assunto Arroz irrigado
Rio Grande do Sul
Solo : Fosforo
[en] Anaerobic soils
[en] Available phosphorus
[en] Extraction methods
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/80111
Arquivos Descrição Formato
000693954.pdf (510.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.