Repositório Digital

A- A A+

Frentes parlamentares, representação de interesses e alinhamentos políticos

.

Frentes parlamentares, representação de interesses e alinhamentos políticos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Frentes parlamentares, representação de interesses e alinhamentos políticos
Outro título Parliamentary fronts, interest representation and political alignments
Autor Coradini, Odaci Luiz
Resumo O parlamento brasileiro tem se caracterizado pela grande quantidade de frentes parlamentares criadas nos últimos anos. As interpretações correntes, em geral baseadas numa concepção "gestionária" e normativa da dominação política, associam isso à fragilidade dos alinhamentos e da fidelidade partidária ou ao "pragmatismo" dos políticos. Tomando como universo empírico os deputados federais do período de 2002 a 2006, o texto procura demonstrar que essas frentes parlamentares não são o produto de alguma fragilidade partidária, mas de uma configuração específica dos modos de relacionamento entre a atuação de grupos de interesse e o espaço político. Sendo assim, a participação em frentes parlamentares está diretamente associada às atividades de expertise e de politização de interesses organizados. Por outro lado, essa participação também depende diretamente das respectivas condições de inserção e dos trajetos sociais e políticos. Isso inclui as posições nas clivagens e confrontos político-partidários, apesar de configurar um padrão de dominação política distinto do chamado "modelo pluralista", em geral tomado normativamente como referência.
Abstract The Brazilian parliament has been characterized by the large amount of parliamentary fronts created in recent years. Common interpretations, usually based on “managerial” and normative conceptions of political domination, associate this with the fragility of alignments and of party loyalty, or with the “pragmatism” of politicians. Taking federal representatives from the 2002-2006 period as our empirical universe, we seek to demonstrate that these parliamentary fronts are not the product of party fragility,but rather a specific configuration of modes of relationship regarding interest group action and the political scenario. Thus, participation in parliamentary fronts can be directly associated with activities of expertise and the politicization of organized interests. Furthermore, this participation also depends directly on the respective conditions of participation and social and political trajectories. This includes positions within political party cleavages and confrontations, notwithstanding the fact that it represents a pattern of political domination that is different from the so-called “pluralist model” that is usually taken as a normative reference.
Contido em Revista de sociologia e política. Curitiba, PR. Vol. 18, n. 36 (jun. 2010), p. 241-256
Assunto Brasil
Engajamento político
Frente parlamentar
Parlamento
Representação política
[en] Engagement
[en] Interest groups
[en] Parliamentary fronts
[en] Political representation
[en] Politicization
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/80218
Arquivos Descrição Formato
000762506.pdf (183.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.