Repositório Digital

A- A A+

Infecção de sementes de trigo com Bipolaris sorokiniana pela técnica de restrição hídrica

.

Infecção de sementes de trigo com Bipolaris sorokiniana pela técnica de restrição hídrica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Infecção de sementes de trigo com Bipolaris sorokiniana pela técnica de restrição hídrica
Outro título Infection of wheat seeds by Bipolaris sorokoniana using a water restriction technique
Autor Farias, Cândida Renata Jacobsen
Del Ponte, Emerson Medeiros
Corrêa, Carla L.
Afonso, Ana Paula Schneid
Pierobom, Carlos Roberto
Resumo A inoculação de fungos fitopatogênicos em sementes pela técnica da restrição hídrica é relativamente recente. Este trabalho objetivou avaliar o efeito de potenciais osmóticos (-0.4, -0,6 e -0.8) do substrato BDA, modificado por adição de sacarose, em interação com o tempo de exposição (46, 72 e 96 h), na infeção de sementes de trigo por Bipolaris sorokiniana. Foram analisadas a eficiência da infecção e a inibição da germinação durante e após a aplicação dos tratamentos. De acordo com os resultados, períodos de tempo superiores a 48 horas de exposição à colônia fúngica não foram inibitórios a germinação completa das sementes, a qual incrementou linearmente com o aumento do tempo de contato com o inóculo fúngico. A eficiência de infecção não diferiu para os potenciais osmóticos e tempo de exposição, variando de 0,53 a 0,92. No entanto, a capacidade germinativa das sementes após os tratamentos foi significativamente reduzida após o período de 48 horas de exposição das sementes ao substrato modificado contendo a cultura fúngica.
Abstract Seed inoculation with pathogenic fungi using the water restriction technique is relatively recent. This study aimed to verify the effect of osmotic potentials (-0.4, -0.6 and -0.8 MPa) of PDA substrate modified by the amendment of sucrose in interaction with the period of exposure (48, 72 and 96 h) of wheat seeds to colonies of Bipolaris sorokiniana. Infection efficiency and inhibition of seed germination during and after treatment were the variables analyzed. The results of this study show that an exposure period longer than 48 hours to the fungal colonies did not inhibit full germination of the seeds. The germination rate increased linearly as the exposure period to the fungal colony was increased. Infection efficiency was not affected by osmotic potential and exposure time, varying from 0.53 to 0.92. However, seed germination was significantly reduced after 48 hours of exposure to the fungal colonies.
Contido em Tropical Plant Pathology. Brasilia, DF. Vol. 35, n. 4 ( jul./ago. 2010), p. 253-257
Assunto Fungo
Inoculação artificial
Semente
Trigo
[en] Artificial inoculation
[en] Osmotic potential
[en] Seed health
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/80320
Arquivos Descrição Formato
000765525.pdf (690.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.