Repositório Digital

A- A A+

Detecção de bactérias associadas a gemas de pereiras europeias no Rio Grande do Sul

.

Detecção de bactérias associadas a gemas de pereiras europeias no Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Detecção de bactérias associadas a gemas de pereiras europeias no Rio Grande do Sul
Outro título Detection of bacteria associated with European pear buds in Rio Grande do Sul State, Brazil
Autor Rommel, Cátia Cristina
Sanhueza, Rosa Maria Valdebenito
Duarte, Valmir
Resumo A morte de flores em pomares de pereiras europeias (Pyrus communis L.) foi observada em Vacaria, RS. Dois isolados bacterianos, oriundos de flores sintomáticas, reproduziram tais sintomas em flores de ramos destacados e foram identificados como Pseudomonas sp. Devido à ausência de registro da etiologia dessa doença no Brasil, ao registro de P. syringae pv. syrigae e Erwinia amylovora associadas a sintomas similares em outros países e à possível presença deste tipo de bactérias em gemas, um método para detecção dessas três bactérias foi desenvolvido. O método envolveu maceração das gemas com nitrogênio líquido, adição de PBS e PVP 2%, transferência do suco para cartão FTA (Whatman); tratamento de círculos do cartão, com etanol 70%, reagente FTA e tampão TE, eluição do DNA seguida de PCR com oligonucleotídeos iniciadores específicos para cada uma das bactérias. O método foi, então, utilizado para monitorar tais bactérias em gemas colhidas bimensalmente durante 2008. E. amylovora não foi detectada. A frequência média de P. syringae pv. syringae e Pseudomonas sp. foi de 0,7 e 16,3%, respectivamente; a última atingindo pico de 30% em outubro. A espécie do agente causal não foi elucidada, mas foi demonstrada a associação com o gênero Pseudomonas, o que já fornece subsídios para o desenvolvimento de métodos de controle da doença.
Abstract The death of flowers in European pear (Pyrus communis L.) orchards was observed in Vacaria, State of Rio Grande do Sul, Brazil. Two bacterial isolates, obtained from symptomatic flowers, reproduced these symptoms on flowers of detached branches and were identified as Pseudomonas sp. Considering the lack of reports of this disease in Brazil, the record of P. syringae pv. syrigae and Erwinia amylovora associated with similar symptoms in other countries and the possible presence of these bacteria in buds, a method to detect the three bacteria was developed. The method comprised: bud maceration with liquid nitrogen, addition of PBS and 2% PVP, transfer of juice to FTA cards (Whatman), treatment of card circles with 70% ethanol, TE buffer and FTA reagent, elution of DNA followed by PCR with specific primers for each bacterium. The method was further used to monitor these bacteria in buds collected bimonthly during 2008. E. amylovora was not detected. The average frequency of P. syringae pv. syringae and Pseudomonas sp. was 0.7 and 16.3%, respectively, the latter showing a frequency peak of 30% in October. The species of the causal agent was not made clear, but the association with the genus Pseudomonas was demonstrated, which already provides a basis for the development of methods for disease control.
Contido em Tropical Plant Pathology. Brasilia, DF. Vol. 35, n. 6 ( nov.dez. 2010), p. 360-367
Assunto Bacteria
Doença de planta
Rio Grande do Sul
[en] Erwinia amylovora
[en] PCR
[en] Pseudomonas sp.
[en] Pseudomonas syringae pv. syringae
[en] Pyrus communis
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/80740
Arquivos Descrição Formato
000772103.pdf (1.026Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.