Repositório Digital

A- A A+

Utilização de fitase em dietas para frangos de corte

.

Utilização de fitase em dietas para frangos de corte

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Utilização de fitase em dietas para frangos de corte
Outro título Phytase utilization in broiler diets
Autor Cruz, Rafael Fontana Abs da
Orientador Vieira, Sérgio Luiz
Co-orientador Borsatti, Liliane
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Nutrição animal : Dieta
Nutricao animal : Frangos de corte
[en] Phosphorus
[en] Phytate
[en] Phytic acid
Resumo O fitato ou ácido fítico (hexafosfatado de mio-inositol) é a maior forma de estocagem de fósforo (P) na maioria das plantas. O P fítico esta presente em grande quantidade nas paredes celulares dos grãos, mas é pouco aproveitado pelos monogástricos. A suplementação de P em dietas para aves é justificável, pois as aves não são capazes de hidrolisar o P fítico. A fitase é uma enzima capaz de desdobrar esta molécula, disponibilizando o P contido no fitato. Desta forma, é reduzida a inclusão de fontes inorgânicas de P na dieta e, consequentemente, o excesso deste na cama. O ácido fítico, através de pontes iônicas, tem a capacidade de quelar minerais, proteínas/aminoácidos e amido, causando um impacto negativo na digestibilidade destes nutrientes. A importância da sustentabilidade na produção animal cresceu nos últimos anos, tornando a fitase indispensável para a diminuição da concentração de P em mananciais e aquíferos. A fitase tem demonstrado ser economicamente, ecologicamente e nutricionalmente viável em dietas para frangos de corte.
Abstract Phytate or phytic acid (myo-inositol hexakisphosphate) is the major storage form of Phosphorus (P) in most plants. The phytic P is present in large quantity in cell walls of grains, but it is not well utilized by monogastrics. P supplementation in poultry diets is justifiable, because poultry is not capable of hydrolyze phytic P. Phytase is an enzyme capable of hydrolyzing this molecule, providing the P restrained in phytate. Therefore, inclusion of inorganic sources of P in diets is reduced, thereafter excess of this mineral in litter. Phytic acid, through ionic bridges, is capable of forming complexes with minerals, protein/amino acids and starch, causing negative impacts on nutrients digestibility. The importance of sustainability in animal production grew in recent years, making phytase indispensable in order to reduce P concentration in watershed and aquifers. It has been proved that phytase is economically, ecologically and nutritionally viable in poultry diets.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/80757
Arquivos Descrição Formato
000902175.pdf (147.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.