Repositório Digital

A- A A+

Lesões ulcerativas cutâneas em frangos de corte: estudo histopatológico e epidemiológico

.

Lesões ulcerativas cutâneas em frangos de corte: estudo histopatológico e epidemiológico

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Lesões ulcerativas cutâneas em frangos de corte: estudo histopatológico e epidemiológico
Autor Sesterhenn, Renata
Orientador Moraes, Hamilton Luiz de Souza
Co-orientador Fallavena, Luiz Cesar Bello
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Avicultura
Dermatite
Estudos epidemiológicos
Frangos de corte
Lesões cutâneas : frangos de corte
[en] Broilers
[en] Foreign body granulomatous dermatitis
[en] Keratoacantoma
[en] Ulcerative lesions
Resumo Em função de modificações no processo de criação em escala industrial, associado à expansão do setor avícola nas áreas de genética, nutrição e sanidade, as lesões cutâneas em frangos de corte vêm tornando-se cada vez mais importantes. Na atualidade, as principais doenças que afetam a pele de frangos são a celulite, a varíola aviária, o querato-acantoma (QA) ou carcinoma dérmico de células escamosas (CDCE) e as dermatites inespecíficas, estas últimas geralmente associadas a traumatismos. A classificação das doenças cutâneas é imprecisa, uma vez que os critérios de inspeção tendem a agrupar essas lesões cutâneas nas carcaças de frangos de corte em uma única categoria denominada de “dermatose”. As lesões ulcerativas na pele de frangos de corte são causas comuns de condenação total ou parcial de carcaças em matadouros-frigoríficos. O querato-acantoma é uma das causas mais frequentes dessas lesões, sendo de etiologia desconhecida. Por outro lado, lesões ulcerativas macroscopicamente semelhantes às do querato-acantoma e causadas por granulomas do tipo corpo estranho, possivelmente de origem vegetal, vêm sendo observadas em aves abatidas em alguns matadouros-frigoríficos no estado do Rio Grande do Sul (Brasil). Com base nessas premissas, o objetivo desse trabalho foi avaliar histologicamente e analisar os fatores epidemiológicos envolvidos no aparecimento das lesões ulcerativas cutâneas: querato-acantoma e dermatite granulomatosa por corpo estranho (DGCE) em frangos de corte abatidos em matadouros-frigoríficos sob inspeção federal e estadual. Foram analisadas 363 amostras com lesões ulcerativas, de um total de 1.373.989 aves visualizadas. Destas, 169 carcaças foram diagnosticadas como querato-acantoma, representando uma prevalência de 0,012% e 210 carcaças foram diagnosticadas como dermatite granulomatosa por corpo estranho, representando 0,015%, A prevalência encontrada no presente trabalho para QA é similar aos valores encontrados por autores, já a prevalência encontrada para DGCE foi superior à relatada em 2004. Se verificou uma maior prevalência de QA em frangos abatidos em matadouros-frigoríficos sob inspeção federal e mais casos de DGCE nos abatidos em matadouros-frigoríficos sob inspeção estadual. A localização mais frequente das úlceras foi o dorso para o querato-acantoma e o peito para a DGCE. As lesões ulcerativas disseminadas na carcaça foram 100 % diagnosticadas como querato-acantoma. Macroscopicamente as lesões únicas podem ser tanto diagnósticas para querato-acantoma como dermatite granulomatosa por corpo estranho, sendo necessário o exame histopatológico para o diagnóstico definitivo. Houve grande variabilidade dos fatores epidemiológicos envolvidos no aparecimento de lesões ulcerativas de pele, indicando necessidade de novas análises para aumentar a amostragem das amostras.
Abstract Due to changes in the husbandry process on an industrial scale, associated with the expansion of the poultry sector in the areas of genetics, nutrition and health, the skin lesions have become increasingly important. At present, the major diseases that affect the skin in broilers are cellulite, fowl pox, the keratoacantoma (KA) or dermal squamous cell carcinoma (DSCC) and nonspecific dermatitis, the latter generally associated with trauma. The classification of skin diseases is inaccurate, since the inspection tend to group these skin lesions in carcasses of broilers in a single category called "dermatosis". The ulcerative skin lesions of broilers are common causes of total or partial condemnation of carcasses in slaughterhouses. The keratoacantoma is one of the most frequent causes of these injuries, and of unknown etiology. On the other hand, ulcerative lesions macroscopically similar to the keratoacantoma and granulomas caused by foreign body, possibly of plant origin, has been observed in some birds slaughtered in slaughterhouse in Rio Grande do Sul (Brazil). Based on these premises, the aim of this study was to histologically evaluate and analyze the epidemiological factors involved in the appearance of ulcerative skin: keratoacantoma and foreign body granulomatous dermatitis (FBGD) in broilers slaughtered in slaughterhouses under federal and state inspection. 363 samples were analyzed with ulcerative lesions, a total of 1,373,989 poultry displayed. Of these, 169 carcasses were diagnosed as keratoacantoma, representing a prevalence of 0.012% and 210 carcasses were diagnosed as granulomatous dermatitis foreign body, representing 0.015%. The prevalence founded in the present work to KA is within the range found by authors in previous works, since the prevalence DSCC was higher than that reported in 2004. There was a higher prevalence of KA in slaughter plants under federal inspection and more cases of DSCC in slaughter plants under state inspection. The most frequent location of ulcers was the back and chest for keratoacantoma for DSCC. Ulcerative lesions disseminated in the housing 100% were diagnosed as keratoacanthoma. Grossly, the lesions can be both unique diagnostic for keratoacanthoma as granulomatous dermatitis, requiring histopathology for definitive diagnosis. With this work, it was concluded that new skin lesions should be analyzed, to increase the sampling of specimens, decreasing the variability among the predisposing skin lesions.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/83714
Arquivos Descrição Formato
000907183.pdf (1.416Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.