Repositório Digital

A- A A+

Cefalometria manual e digital em pacientes com anomalias dento-faciais esqueléticas

.

Cefalometria manual e digital em pacientes com anomalias dento-faciais esqueléticas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Cefalometria manual e digital em pacientes com anomalias dento-faciais esqueléticas
Outro título Manual and digital cephalometry in patients with facial dento-skeletal anomalies
Autor Bemfica, Jules Renan Dutra
Orientador Baraldi, Carlos Eduardo Espindola
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Cefalometria
Cirurgia bucal
Face : Anomalias
[en] Cephalometrics
[en] Oral and maxillofacial surgery
[en] Orthognathic surgery
Resumo As cirurgias ortognáticas são aceitas como alternativa de tratamento para anomalias dento-faciais de diferentes padrões morfológicos e magnitudes de discrepância maxilo-mandibular. Diferentes metodologias foram propostas na literatura para sua realização, a maior parte delas envolvendo múltiplas etapas de planejamento e métodos físicos de transferência deste para o campo operatório, envolvendo guias cirúrgicos físicos dento-suportados, bem como diferentes tipos de cirurgias de modelos ou tecnologias complexas. A análise cefalométrica é indicada para o diagnóstico, planejamento e o acompanhamento do resultado destas cirurgias, podendo ser obtida de forma manual ou por meio de traçado digital. O objetivo deste estudo foi comparar dados obtidos com cefalometria manual e digital, para determinar a existência de diferenças ente as grandezas cefalométricas analisadas. Foram realizados traçados cefalométricos em 38 telerradiografias laterais de pacientes diagnosticados com anomalia dento-facial pelo mesmo cirurgião, utilizando-se ambos os métodos. Os valores aferidos foram comparados utilizando-se o teste tpareado, o qual demonstrou diferença estatística para os ângulos IMPA e PHF.PO (p<0,05). Conclui-se que pode haver diferença nos valores quando utiliza-se um ou outro método, no entanto sugere-se que essas discrepâncias não são clinicamente válidas. Portanto, tanto o método manual como o digital, apresentam vantagens e desvantagens, mas parecem ser confiáveis para realização de diagnóstico e conseguinte planejamento de cirurgia ortognática.
Abstract Combined orthognathic surgery are accepted as alternative treatment for dentofacial anomalies with different morphological patterns and magnitudes of maxillo-mandibular discrepancy. Different methods were proposed in the literature for its realization, most of them involving multiple stages of planning and physical methods of transferring this to the operative field, involving surgical guides dental-supported as well as different types of surgeries models or complex technologies. The cephalometric analysis is indicated for the diagnosis, treatment planning and evaluation of the surgical outcome, either by manual or digital tracing. The aim of this study was to compare data obtained from manual and digital cephalometric tracings, evaluatingpossible differences between the methods. Digital and manual cephalometry were performed in 38 lateral cephalometric radiographs of patients previously diagnosed with dentofacial anomalies, and the data was compared using the paired t test. Significant differences were found for the angles PHF.PO and IMPA angles (p <0,05). However the magnitude of the differences was low. The findings reinforce previous data suggesting that there may be differencein measurement values obtained by these methods, however these differences have no clinical impact. Both the manual and digital methods seem to bereliable for diagnosis and treatment planning of skeletal dentofacial anomalies.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/85148
Arquivos Descrição Formato
000905815.pdf (1.989Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.