Repositório Digital

A- A A+

Estudo da relação existente entre o volume de efluente gerado e a garantia da segurança alimentar do produto final na indústria de refrigerantes

.

Estudo da relação existente entre o volume de efluente gerado e a garantia da segurança alimentar do produto final na indústria de refrigerantes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo da relação existente entre o volume de efluente gerado e a garantia da segurança alimentar do produto final na indústria de refrigerantes
Autor Chaves, Carolina Fanfa Loureiro
Orientador Feris, Liliana Amaral
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Química.
Assunto Engenharia química
Resumo Em 2010 o Brasil se tornou o 3º maior mercado de consumo de refrigerantes do mundo, depois dos Estados Unidos com 49 bilhões de litros e México com 14 bilhões de litros. A produção desse grande volume de bebida apresenta um impacto ambiental significativo. Neste contexto, o presente estudo avalia a relação existente entre o volume de efluente gerado e o volume de refrigerante produzido, processo da indústria de alimentos que demanda cuidados especiais no que se refere à garantia da qualidade do produto final. As variáveis estudadas neste trabalho são restritos aos efluentes líquidos gerados ao longo do processo de envase do refrigerante. Esses efluentes são decorrentes dos processos de limpeza comuns na indústria de alimentos que produzem de forma contínua como é o caso da indústria de refrigerantes. Para melhor compreensão do estudo, o processo produtivo foi descrito de maneira simplificada, assim como os procedimentos de limpeza adotados nesse ramo da indústria. Também foram abordados temas como as Boas Práticas de Fabricação (BPF), a Análise de Riscos e de Pontos Críticos de Controle (HACCP) e a Segurança Alimentar. O estudo foi realizado através de dados coletados em uma indústria produtora de refrigerantes de grande porte localizada no Rio Grande do Sul durante os meses de Janeiro, Fevereiro e Março de 2013 e baseado na análise do volume de efluente gerado apenas no envase do produto e nos resultados das análises microbiológicas do produto acabado. Os dados foram tabulados e tratados através de ferramentas computacionais simples buscando estratificar a relação percentual existente entre o volume de efluente gerado e o volume de refrigerante produzido. Com base nos dados obtidos foram propostas alternativas de melhoria no processo para a redução da quantidade de efluente gerada nessa etapa do processo produtivo e também tiveram seus resultados quantificados ou estimados. O estudo permitiu concluir que o volume de efluente gerado na produção de refrigerantes está intimamente relacionado à segurança alimentar do produto final e à sua qualidade, mas que mesmo assim existem algumas oportunidades de melhoria possíveis neste processo.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/85649
Arquivos Descrição Formato
000908823.pdf (910.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.