Repositório Digital

A- A A+

Sobre "a vida como ela é" : os professores de Educação Física e as violências na escola pública municipal de Porto Alegre

.

Sobre "a vida como ela é" : os professores de Educação Física e as violências na escola pública municipal de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sobre "a vida como ela é" : os professores de Educação Física e as violências na escola pública municipal de Porto Alegre
Outro título About "life as it is" : physical education teachers and the violences in public school hall of Porto Alegre
Outro título Sobre "la vida como ella es" : los profesores de educación física y las violencias en la escuela pública municipal de Porto Alegre
Autor Bossle, Fabiano
Molina Neto, Vicente
Wittizorecki, Elisandro Schultz
Resumo Este artigo provem de uma pesquisa realizada com os professores de educação física da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre sobre as violências na escola, onde tratamos de compreender o que pensa este coletivo docente sobre as violências na escola e como lida com este fenômeno. Trata-se de um estudo descritivo-explicativo, em que realizamos entrevistas e distribuímos questionários aos participantes. O processo analítico indica que esses professores convivem entre uma sensação de insegurança e de impotência com relação às violências nas escolas e a complexidade das demandas da prática pedagógica nas escolas de Porto Alegre, uma capital com significativos índices de violências.
Abstract This article stems from a survey conducted with teachers of physical education of the Municipal School Network of Porto Alegre on the subject of violence in schools, in which we try to understand what is the thought that this group has on violence in schools and how it deals with this phenomenon. This is a descriptive-explanatory study in which interviews were conducted and questionnaires were handed out. The analytical process indicates that these teachers live in between a sense of insecurity as well as helplessness with regard to violence in schools and the complexity of the demands of teaching practice in schools in Porto Alegre, a capital city with significant rates of violence.
Resumen Ese artículo proviene de una investigación realizada con el profesorado de educación física de la Red Municipal de Enseñanza de Porto Alegre sobre las violencias en la escuela. Es un estudio descriptivoexplicativo, donde realizamos entrevistas y los participantes han contestado a un cuestionario. El proceso analítico indica que eses profesores conviven entre una sensación de inseguridad, de impotencia en relación a la violencia en los centros de enseñanza y la complejidad de las demandas de la práctica pedagógica en las escuelas de Porto Alegre, una capital de provincia con significativos índices de violencias.
Contido em Movimento, Porto Alegre. Vol. 19, n. 4, (out/dez de 2013), p. 47-67
Assunto Ensino fundamental
História de vida
Professores : Formacao
Violência
[en] Education, primary
[en] Physical education
[en] Schools
[en] Violence
[es] Educación física
[es] Educación primaria
[es] Escuelas
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/86153
Arquivos Descrição Formato
000909711.pdf (139.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.