Repositório Digital

A- A A+

Senso de coerência e dor odontogênica em adolescentes residentes em municípios de até 50 mil habitantes do estado do Rio Grande do Sul

.

Senso de coerência e dor odontogênica em adolescentes residentes em municípios de até 50 mil habitantes do estado do Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Senso de coerência e dor odontogênica em adolescentes residentes em municípios de até 50 mil habitantes do estado do Rio Grande do Sul
Outro título Sense of coherence and toothache of adolescents living in municipalities untill 50 thousands inhabitants in Rio Grande do Sul state
Autor Rosa, Arisson Rocha da
Orientador Abegg, Claídes
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Adolescente
Dor
Saúde bucal
[en] Adolescent health
[en] Cross-sectional study
[en] Pain
[en] Sense of coherence
[en] Toothache
Resumo Objetivo: Este estudo investiga a associação entre Senso de Coerência (SOC) e dor de dente, uma vez em que não há estudo sobre esta temática até o momento. A hipótese desta pesquisa é a de que adolescentes com forte SOC tendem a menor prevalência de dor de dente do que aqueles com fraco SOC. Método: Estudo transversal de base escolar foi conduzido em 36 municípios de até 50 mil habitantes no sul do Brasil. A população analisada foi a de adolescentes escolares entre 15 e 19 anos. A amostra compreendeu 1150 adolescentes escolhidos por amostragem sistemática. Desses, 68,8% tinham até 16 anos, 57,2% eram do sexo feminino e 71,5% eram brancos. A análise final ajustada por meio de regressão de Poisson é baseada em 1065 indivíduos. Os dados foram coletados pelo questionário SOC-13 e índice CPOD. Resultados: O SOC médio da amostra foi 45, mínimo 27, máximo 60 e o desvio-padrão 5. SOC permaneceu significante ao explicar a dor de dente como um fator de proteção RP=0,65 (95%IC=0,55-0,75). Meninas apresentaram 39% mais dor de dente do que meninos (95%IC=1,15-1,68). Aqueles que foram ao dentista por outra razão que não revisão ou check-up tiveram prevalência de dor dental 85% maior do que seus homólogos (95%IC=1,47-2,34). Adolescentes com dentes cariados apresentaram até duas vezes mais dor de dente do que os livres de cárie. A amostra apresentou 29,8% de prevalência de dor de dente nos seis meses anteriores à pesquisa. Conclusão: Os resultados desse estudo mostraram que um forte SOC é fator de proteção para dor de dente. A abordagem salutogênica pode ser uma estratégia para se alcançar melhores patamares de saúde.
Abstract Aims: This study investigated the association between Sense of Coherence (SOC) and toothache. To our knowledge, this study is the first to examine this relationship. We hypothesized that toothache prevalence in the previous six months would be lower in adolescents with strong SOC than those with weaker SOC. Methods: A school-based cross-sectional study was carried out in 36 municipalities comprising up to 50,000 residents in southern Brazil. The target population was student adolescents from 15–19 years old. The sample consisted of 1,150 adolescents chosen by systematic sampling. From those, 68.8% were up to 16 years, 57.2% were female, and 71.5% were white. The final adjusted analysis by Poisson regression included 1,065 individuals. Data were collected using a sociodemographic questionnaire, SOC-13 scale and the DMFT index. Results: The SOC mean was 45, minimum 27, maximum 60, standard deviance was 5. A strong SOC was a significant protective factor for toothache; PR=0.65 (95%CI= 0.55–0.75). Girls presented more toothache than boys PR=1.39 (95%CI= 1.15–1.68). Individuals who saw the dentist for reasons other than reviews or check-ups had a toothache prevalence 85% higher than their counterparts (95%CI= 1.47–2.34). Adolescents with tooth decay reported up to two times more toothache than those without cavities. Of the adolescents in the sample, 29.8% reported experiencing toothache in the previous six months. Conclusion: The results of this study showed that strong SOC protected against toothache. A salutogenic approach may lead to better patterns of health.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/87192
Arquivos Descrição Formato
000911063.pdf (1.938Mb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.