Repositório Digital

A- A A+

Concordância entre diagnósticos dermatológicos feitos presencialmente e por imagens digitais

.

Concordância entre diagnósticos dermatológicos feitos presencialmente e por imagens digitais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Concordância entre diagnósticos dermatológicos feitos presencialmente e por imagens digitais
Autor D'Elia, Paula Berenhauser
Orientador Fisher, Paul Douglas
Co-orientador Bordin, Ronaldo
Data 2006
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Curso de Pós-Graduação em Ciências Médicas : Epidemiologia.
Assunto Atenção primária à saúde
Dermatopatias
Diagnóstico
Telemedicina
Resumo Introdução A Teledermatologia é o uso de tecnologia de telecomunicação para fornecer cuidados de problemas cutâneos à distância. No Brasil ainda há poucos estudos abordando este tema. Objetivos Avaliar a concordância diagnóstica presencial e não presencial com imagens de lesões cutâneas. Metodologia Pacientes consecutivos referenciados (n=100) ao serviço de dermatologia foram divididos em dois grupos: no grupo 1 foram vistos ao vivo 20 pacientes por dois dermatologistas separadamente; No grupo 2, as lesões de 80 pacientes foram fotografadas previamente à consulta presencial. A fotografia digital e as informações referentes à história clinica foram enviadas para outro dermatologista para diagnóstico. Foi avaliada a taxa de concordância diagnóstica entre os 2 dermatologistas através do Kappa. Resultados O Kappa presencial encontrado foi de 0,91 (n=20) e o Kappa virtual foi de 0,66 (n=80). A teledermatologia mostrou um melhor resultado para avaliação de dermatoses classificadas como infecciosas/infestações (Kappa=0,71) e para alteração dos anexos (Kappa=0,69). Conclusões A concordância à distância foi menor que a concordância presencial. Acreditamos que a teledermatologia não possa substituir a consulta médica convencional, mas possa ser uma opção para triagem de pacientes, diminuindo o custo do sistema público de saúde e tempo de espera por atendimento médico especializado.
Abstract Introduction Teledermatology is the use of telecommunications technology in the provision of care of skin problems at a distance. Objective To evaluate the agreement between skin lesion diagnoses made by direct observation and that made at a distance using images of those lesions. Methodology Patients consecutively referred (n=100) to the dermatology service were divided into two groups. The patients of group one (n=20) were diagnosed by each of two dermatologists by direct observation. The patients of the second group had a history taken and their lesions photographed digitally before being diagnosed by direct observation. The history and image were sent to another dermatologist for diagnosis at a distance. Agreement between the diagnoses made by direct observation and those made at a distance, using the images and history, was evaluated using the Kappa statistics. Results Good agreenment was achieved between 2 dermatologists both making diagnoses by direct observation: Kappa=0.91 (n=20). Agreement between diagnoses made by direct observation of lesions and those made using images of the same lesions was somewhat less: Kappa=0.66 (n=80). Teledermatology worked best with dermatoses classified as infectious/infestations, Kappa=0.71, and alterations of skin appendages, Kappa=0.69. Conclusions The direct observation / distance image diagnostic agreement was less than that direct observation / direct observation diagnostic agreement. Based on the findings, teledermatology is not a substitute for direct observation but may serve as a basis patient referrals from community health setting to dermatologists thereby reducing referral costs to the community health system.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/8762
Arquivos Descrição Formato
000588454.pdf (319.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.