Repositório Digital

A- A A+

Prazeres e desprazeres da docência na educação infantil : vivências e singularidades

.

Prazeres e desprazeres da docência na educação infantil : vivências e singularidades

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Prazeres e desprazeres da docência na educação infantil : vivências e singularidades
Autor Oliveira, Fernanda Bittencourt de
Orientador Marques, Tânia Beatriz Iwaszko
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Pedagogia: Licenciatura.
Assunto Docência
Educação infantil
Resumo Considerando a relevância de aprofundar aspectos referentes à atividade docente voltada para a Educação Infantil, este trabalho visa a apresentar os resultados de uma pesquisa qualitativa que teve como objetivo investigar de que forma se manifestam sentimentos de prazer e desprazer nas vivências de professoras atuantes nesta área de ensino e quais são, segundo a sua percepção, as implicações desses sentimentos nas suas práticas pedagógicas. Cabe ressaltar que prazer e desprazer são abordados enquanto sentimentos pertencentes ao sujeito que surgem a partir de situações externas – nesta pesquisa consideradas as que são estritamente relacionadas ao âmbito do trabalho -, sem desconsiderar sua dimensão subjetiva. Estudos sobre formação e identidade profissional, a partir de MOITA (1995) e NÓVOA (1995) e trabalho interativo, a partir de TARDIF (2009), dão suporte teórico à investigação. Os dados foram produzidos através de entrevistas semiestruturadas, realizadas com quatro professoras atuantes nas diferentes redes de ensino – federal, estadual, municipal e privada - da cidade de Porto Alegre (RS) que oferecem Educação Infantil em suas instituições. Os resultados apontam que os sentimentos de prazer e desprazer se manifestam basicamente nas relações de interação com os sujeitos participantes do âmbito em que as entrevistadas atuam (alunos, colegas de trabalho e famílias) e têm implicações diretas nas práticas pedagógicas, contudo os sentimentos de prazer acabam por sobrepor-se aos sentimentos de desprazer quando surgem como motivação para que as professoras permaneçam atuando na Educação Infantil.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/88067
Arquivos Descrição Formato
000911576.pdf (415.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.