Repositório Digital

A- A A+

"-Para que serve esta avaliação?" : tecendo ideias sobre práticas avaliativas no final do ciclo de alfabetização

.

"-Para que serve esta avaliação?" : tecendo ideias sobre práticas avaliativas no final do ciclo de alfabetização

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título "-Para que serve esta avaliação?" : tecendo ideias sobre práticas avaliativas no final do ciclo de alfabetização
Autor Silveira, Priscila Bier da
Orientador Rodrigues, Maria Bernadette Castro
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Pedagogia: Licenciatura.
Assunto Alfabetização
Aprendizagem
Avaliação
Resumo O presente Trabalho de Conclusão de Curso teve por objetivo analisar práticas avaliativas em uma turma de 3° ano do Ensino Fundamental de Nove Anos, tendo em vista que este é o último ano do Ciclo de Alfabetização. A pesquisa buscou compreender como se constituem os conceitos de alfabetização e avaliação nos primeiros anos do Ensino Fundamental, e como se dá a organização pedagógica no final do Ciclo. O contexto de pesquisa foi uma escola da rede estadual do município de Porto Alegre. O estudo caracteriza-se a partir de abordagens qualitativas. Foram realizadas entrevistas com duas professoras da escola, análise de documentos – Diretrizes Curriculares, Pareceres Descritivos, Plano de Ensino – e observações em sala de aula e de reuniões de formação continuada promovida na escola sobre o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pacto). O trabalho embasa-se nas posições de Luciana Piccoli, Patrícia Camini e Magda Soares, no que se refere aos estudos de alfabetização e nas posições conceituais de Philippe Perrenoud e Juan Álvarez Méndez sobre avaliação. Através das análises foi possível perceber algumas resistências na postura docente em relação às mudanças das práticas avaliativas no Ciclo de Alfabetização, sendo pouco percebidas as colaborações da formação continuada no seu trabalho. No que trata do sistema avaliativo da escola, para os alunos de 1º e 2º anos do Ciclo de Alfabetização (não retenção), os professores elaboram pareceres descritos e para os alunos do 3º ano são emitidas notas. Isto parece colaborar na visão de avaliação a serviço da reprovação, contrapondo-se à posição de estar a serviço da aprendizagem. O Conselho de Classe ainda é realizado individualmente com uma professora de cada turma. No estudo assinalo que na proposta de Ciclos de Alfabetização todos os professores alfabetizadores deveriam participar juntos do Conselho de Classe para possibilitar uma consonância entre os pareceres avaliativos dos primeiros anos do Ensino Fundamental. As considerações enfatizam a defesa de ações na escola que mobilizem as professoras alfabetizadoras para repensar suas práticas pedagógicas em sala de aula, ao problematizarem as relações entre alfabetização e práticas avaliativas com vistas às aprendizagens dos alunos.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/88156
Arquivos Descrição Formato
000911160.pdf (474.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.