Repositório Digital

A- A A+

Relação entre otites bacterianas e infecção pelo circovírus tipo 2 (PCV2) em suínos.

.

Relação entre otites bacterianas e infecção pelo circovírus tipo 2 (PCV2) em suínos.

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Relação entre otites bacterianas e infecção pelo circovírus tipo 2 (PCV2) em suínos.
Outro título Relationship between bacterial otitis and porcine circovirus type 2 (PCV2) infection in pigs
Autor Asanome, William
Orientador Barcellos, David Emilio Santos Neves de
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Circovirose suína
Doencas bacterianas
Otite média
Suinocultura : Producao animal
[en] Attrition
[en] Bacteriology
[en] Otitis media
[en] PCV2
[en] Postweaning Multisystemic Wasting Syndrome
Resumo A Síndrome Multissistêmica do Definhamento do Suíno (SMDS) é uma doença emergente e mundialmente distribuída, que tem trazido sérios prejuízos econômicos para a indústria suinícola. O Circovírus Suíno tipo 2 (PCV2), agente causal da doença, provoca lesões principalmente nos tecidos linfóides, e sugere-se que produza imunossupressão, predispondo o hospedeiro a infecções virais, bacterianas e fúngicas secundárias. Neste trabalho, é descrito um estudo da prevalência e bacteriologia das otites purulentas em suínos apresentando a SMDS, bem como em animais de baixo desenvolvimento e de crescimento normal. No total, foram examinados 385 suínos com idades entre 60 e 130 dias. De 242 animais com a SMDS, 57 (23,5%) apresentaram lesões purulentas no ouvido médio. Dentre 119 animais de baixo desenvolvimento, apenas 1 (0,7%) apresentou a lesão. Não foram detectadas lesões macroscópicas no ouvido médio dos 24 animais com crescimento normal (controles). Os agentes isolados com maior freqüência das lesões foram Arcanobacterium pyogenes, Streptococcus α– hemolíticos e Pasteurella multocida, encontrados em, respectivamente, 37 (43%), 32 (37,2%) e 24 (27,9%) dos 86 ouvidos submetidos à bacteriologia. A alta prevalência de lesões purulentas no ouvido médio de animais com a SMDS sugere que a infecção pelo PCV2 pode tornar o suíno mais suscetível às otites bacterianas. Por outro lado, a prevalência reduzida das lesões em suínos de baixo desenvolvimento sugere que a otite não representa uma causa importante de mau desempenho em suínos nas fases de crescimento e terminação. O isolamento do A. pyogenes, de Streptococcus α- hemolíticos e da P. multocida na maioria das lesões está de acordo com relatos anteriores, confirmando a importância desses organismos como agentes causais da otite média em suínos.
Abstract Postweaning Multisystemic Wasting Syndrome (PMWS) is an emerging disease disseminated globally that causes severe losses to the pig industry. Porcine circovirus type 2 (PCV2) is the causal agent of the disease and causes lesions mainly in lymphoid tissue and it is suggested that it can cause immunosuppression, predisposing the host to viral, bacterial and mycotic infections. In the present work we describe a study on prevalence and bacteriology of purulent otitis in pigs with PMWS, as well as in pigs with attrition and pigs with normal growth. A total amount of 385 animals were examined, with ages ranging from 60 to 130 days. Among 242 pigs with PMWS, 57 (23,5%) showed purulent lesions in the middle ear. Among 119 pigs with attrition, only 1 (0,7%) presented the lesion. In 24 control pigs, middle ear lesions were not detected. The agents most frequently isolated from the lesions were Arcanobacterium pyogenes, α–hemolytic Streptococci and Pasteurella multocida, found respectively in 36 (43%), 32 (37,2%) and 24 (27,9%) of 86 ears bacteriologically examined. The high prevalence of purulent lesions found in middle ear of PMWS affected pigs suggests that PCV2 infection can increase susceptibility of swine to bacterial otitis. On the other hand, the small prevalence of lesions in piglets with attrition suggests that otitis does not represent a significant cause for depressed growth in pigs from growing and finishing ages. The isolation of A. pyogenes, α-hemolytic Streptococci and P. multocida from most lesions agrees with previous reports, confirming the importance of these organisms as causal agents in the etiology of otitis media in pigs.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/8822
Arquivos Descrição Formato
000589574.pdf (421.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.