Repositório Digital

A- A A+

No ritmo binário : o concurso de danças tradicionais e a identidade gaúcha no Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART)

.

No ritmo binário : o concurso de danças tradicionais e a identidade gaúcha no Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título No ritmo binário : o concurso de danças tradicionais e a identidade gaúcha no Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART)
Autor Rosa, Rafael Paulus da
Orientador Leal, Ondina Maria Fachel
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Bacharelado.
Assunto Danças tradicionais gaúchas
Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART) (
Identidade gaucha
Tradicionalismo
[en] ENART
[en] Gaucho identity
[en] Gaucho traditional dances
[en] Tradicionalism
Resumo O Rio Grande do Sul geralmente é pensado por algumas peculiaridades. Entre elas, encontra-se a figura do tipo social, o gaúcho. Este tipo social é exaltado desde o século XIX, com a criação do Partenon Literário, em 1868. Na década de 40, durante o pós-guerra, se intensificou um movimento para exaltar a identidade regional e este tipo social, sendo criados os primeiros Centros de Tradições Gaúchas (CTGs), espaços dedicados à preservação da tradição e cultura gaúchas. Este movimento adquiriu proporções muito além do âmbito regional sul-rio-grandense. No contexto atual, verifica-se uma desterritorialização e expansão do tradicionalismo gaúcho, levando, exaltando e comemorando esse tipo social além das fronteiras do Rio Grande do Sul. O Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART), nessas circunstâncias, como evento organizado pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), incumbe-se da (re)afirmação do gaúcho como tipo social representante do Rio Grande do Sul. Este trabalho procurou fazer uma revisão bibliográfica sobre o processo de formação da identidade gaúcha e a representação do ser gaúcho nos dias atuais, através de sua arte, mais especificamente às danças tradicionais gaúchas. Na tradição etnográfica de observação participante, este trabalho busca analisar como este gaúcho é representado e celebrado pelos grupos de danças tradicionais, no contexto deste festival, o ENART.
Abstract The state of Rio Grande do Sul is generally thought by its uniqueness and some peculiarities in relation to Brazil. Among them is the figure of the Gaucho, as a social figure. This social type is exalted, since the nineteenth century, with the creation of the Partenon Literário in 1868. In the 40s, during the post-war years, as part of a movement to exalt the regional identity and the Gaucho, the first Centro de Tradições Gaúchas (CTGs) was inaugurated, aiming the creations of spaces dedicated to the preservation of Gaúcho culture and traditions. This movement gained proportions far beyond the regional level, away from Rio Grande do Sul territory. In the current context, there is a process of deterritorialization and expansion of Gaucho tradicionalismo movement celebrating this social type beyond the borders of Rio Grande do Sul. The Encontro de Arte e Tradições Gaúchas (ENART) as event organized by the Movimento Tradicionalista Gaúcho, promotes a (re)affirmation of what means to be Gaucho. This study sought to review existing literature on the process of formation of the regional identity and the representation of being Gaucho nowadays through the art, more specifically, regarding traditional gaucho dances. Using the ethnographic approach and participation observation as a tool, this research aimed to convey and analyze how the Gaucho is represented and celebrated by groups of traditional dances in this festival, the ENART.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/89799
Arquivos Descrição Formato
000914541.pdf (1.476Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.