Repositório Digital

A- A A+

Dinâmica populacional de Phyllocnistis citrella Stainton (Lepidoptera: gracillariidae) e de parasitóides em pomares orgânicos de citros

.

Dinâmica populacional de Phyllocnistis citrella Stainton (Lepidoptera: gracillariidae) e de parasitóides em pomares orgânicos de citros

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Dinâmica populacional de Phyllocnistis citrella Stainton (Lepidoptera: gracillariidae) e de parasitóides em pomares orgânicos de citros
Outro título Population dynamics of Phyllocnistis citrella stainton (lepidoptera: gracillariidae) and parasitoids in citrus organic orchards
Autor Efrom, Caio Fabio Stoffel
Orientador Redaelli, Luiza Rodrigues
Co-orientador Diefenbach, Lucia Maria Lopes de Almeida Guedes
Data 2006
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Fitotecnia.
Assunto Dinâmica populacional
Inseto
Minador das folhas dos citros
Parasito de planta
Resumo Avaliaram-se aspectos da dinâmica populacional do minador-doscitros, Phyllocnistis citrella (Lep.: Gracillariidae), e de seus parasitóides, por amostragens quinzenais, de julho/2003 a junho/2005, em dois pomares sob manejo orgânico, um de tangerineira ‘Montenegrina’ (Citrus deliciosa) e outro do tangoreiro ‘Murcott’ (C. sinensis x C. reticulata), em Montenegro (29°37’51” S, 51°28’10” W), RS. Em cada ocasião de amostragem, em 24 plantas sorteadas, examinaram-se todas as folhas contendo câmaras pupais do minador. Em laboratório, a porção da folha com a câmara foi individualizada em tubos de ensaio, mantidos em câmara climatizada até a emergência dos parasitóides ou de P. citrella. De julho/2004 a junho/2005, também coletaram-se oito brotos/planta, de 12 plantas de cada pomar e instalou-se 12 armadilhas/pomar para captura de adultos do minador. Dos brotos registrou-se o número de folhas, minas, ovos, lagartas e pupas de P. citrella e de parasitóides. Estimou-se, nos dois anos, o número de brotos das copas das plantas. O padrão de colonização e uso do recurso pelo minador foi semelhante nos pomares. No verão e outono, verificaram-se as maiores densidades de minas, ovos, lagartas e pupas de P. citrella. O número médio de adultos e imaturos de P. citrella foi semelhante entre as variedades. Registraram-se os parasitóides Ageniaspis citricola, Cirrospilus neotropicus, Cirrospilus floridensis, Elasmus sp. 1 e Chrysocharis vonones. A diversidade de parasitóides foi semelhante entre as variedades e diferente entre os anos. Cerca de 60% da brotação anual escapa do ataque do minador. A temperatura máxima teve maior influência sobre o minador e os parasitóides, mas após o estabelecimento, P. citrella também apresenta correlação com os fluxos de brotação. O parasitismo sobre P. citrella foi de 23,3% em ‘Montenegrina’ e 24,9% em ‘Murcott’. Os períodos de estiagens durante o trabalho, podem ter influenciado as populações do minador e de parasitóides.
Abstract Aspects of population dynamics of Phyllocnistis citrella (Lep.: Gracillariidae) the citrus-leaf-miner and its parasitoids were evaluated through fortnightly samplings from July/2003 to June/2005 in two orchards organically managed: one of tangerine cultivar Montenegrina (Citrus deliciosa) and the other of tangor Murcott (C. sinensis x C. reticulata), in Montenegro (29°37’51” S, 51°28’10” W), RS. At each sampling occasion, in 24 randomly selected trees, all leaves containing the leaf-miner pupal chambers were examined. In laboratory, the leaf portion containing the miner pupal chamber was individualized in a glass tube and kept in controlled conditions until the emergence of parasitoids or P. citrella. From July/2004 to June/2005, eight shoots per plant were collected from 12 plants in each orchard and 12 interception traps/orchard were installed to capture adults of P. citrella. The number of leaves, miners, eggs, larvae and pupae of P. citrella and parasitoids were registered in each shoot. The number of shoots per plant canopy was estimated in the two years. The colonization pattern and resource usage by the miner was similar in both orchards. The highest densities of mines, eggs, larvae and pupae of P. citrella were verified at summer and autumn. The average number of adults and immatures of P. citrella was similar among the cultivars. The parasitoids Ageniaspis citricola, Cirrospilus neotropicus, Cirrospilus floridensis, Elasmus sp. 1 e Chrysocharis vonones were registered. The parasitoids diversity was similar among the cultivars and different among years. About 60% of the annual flushing scape from leaf-miner attack. The maximum temperature had a greatest influence on the citrus-leaf-miner and its parasitoids, but after its establishment, the P. citrella shows correlation with the flushings. The parasitism attained 23,3% in Montenegrina and 24,9% in Murcott. The droughty periods along the study could be influenced the populations of the miner and parasitoids
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/8986
Arquivos Descrição Formato
000593623.pdf (866.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.