Repositório Digital

A- A A+

Características das cesarianas de em um hospital universitário do sul do país

.

Características das cesarianas de em um hospital universitário do sul do país

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Características das cesarianas de em um hospital universitário do sul do país
Autor Gomes, Flávia Michele Vilela
Orientador Gouveia, Helga Geremias
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Cesárea
Enfermagem obstétrica
Obstetrícia
Saúde da mulher
Resumo A cesariana é um procedimento que deve ser realizado quando há riscos para a mãe ou para o bebê caso não seja interrompida a gestação. No Brasil, mais da metade dos nascimentos ocorrem por cesariana. O objetivo desse estudo foi conhecer as características das cesarianas realizadas em um hospital universitário do sul do país. Trata-se de um estudo quantitativo de corte transversal, realizado com 112 puérperas submetidas a cesarianas, eletivas ou de urgência, na Unidade de Internação Obstétrica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, durante o período de fevereiro a maio de 2013. As informações de interesse para este estudo foram obtidas junto ao banco de dados do projeto do qual esse se deriva. Foi realizada análise descritiva das variáveis estudadas. Todas as mulheres que aceitaram o convite de participação na pesquisa inicial assinaram um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Os resultados mostraram que, segundo dados dos prontuários, o principal momento da indicação da cesariana foi durante o trabalho de parto (49,1%) e segundo a puérpera, que a cesariana foi decidida no pré-parto (49,1%), momento em que a mulher está em trabalho de parto. Das gestantes estudadas, 87,5% apresentaram algum tipo de intercorrência na gestação, sendo a mais frequente a infecção do trato urinário, descrita em 31,5% das carteiras pré-natal e relatada por 42,8% das entrevistadas. De acordo com o registro no prontuário, a principal indicação médica da cesariana foi a desproporção cefalopélvica (29,5%) seguida por condição fetal não tranquilizadora (21,4%). Observou-se que houve maior coincidência entre a indicação médica e indicação relatada pela puérpera nos casos de apresentação pélvica (91,7%), iteratividade (87,5%) e na desproporção cefalopélvica (81,8%). Este estudo mostrou que as mulheres precisam de mais informações acerca da indicação da cesariana, de forma a serem empoderadas sobre questões que envolvam o parto e somente assim terão condições de discutir e participar como protagonistas desse momento de vida tão especial, que é o nascimento. A inserção do enfermeiro na assistência durante o ciclo gravídico puerperal se torna relevante à medida que este profissional pode proporcionar uma atenção humanizada e individualizada, baseada em evidências científicas e que realmente evite intervenções desnecessárias e que promova uma gestação, parto e nascimento saudáveis.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/90082
Arquivos Descrição Formato
000913320.pdf (521.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.