Repositório Digital

A- A A+

Futebol, imprensa alternativa e ditadura : a copa do mundo de 1974 nas páginas do jornal Opinião

.

Futebol, imprensa alternativa e ditadura : a copa do mundo de 1974 nas páginas do jornal Opinião

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Futebol, imprensa alternativa e ditadura : a copa do mundo de 1974 nas páginas do jornal Opinião
Autor Almeida, Guilherme Kichel de
Orientador Guazzelli, Cesar Augusto Barcellos
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de História: Licenciatura.
Assunto Ditadura civil-militar
Futebol
Imprensa
Imprensa alternativa
[en] Alternative press
[en] Brazilian team
[en] Civil-military dictadorship
[en] Football
[en] Opinião
[en] Press
Resumo Esta pesquisa pretende-se um estudo sobre a repercussão da Copa do Mundo de Futebol de 1974 nas páginas do jornal Opinião. O futebol, desde muito tempo, atuou como parte integrante da formação da identidade nacional brasileira. Além disso, a Copa do Mundo, juntamente com o desempenho da Seleção, ao representar o confronto de nações e a união da comunidade imaginada, opera como importante elemento simbólico na composição da nossa identidade. Assim, em um contexto ditatorial e de propaganda política, o esporte mais popular do país serviu, também, aos desígnios ideológicos do regime civil-militar. No ano de 1974, o general Geisel assumia o poder e o governo passava por um processo de germinal instabilidade, pois os resultados econômicos já não eram tão proveitosos com o final do “milagre brasileiro”. Ademais, a chamada imprensa alternativa, mesmo com a censura, estruturava-se na resistência ao sistema vigente. Portanto, a partir da análise do conteúdo das matérias publicadas pelo semanário, principalmente as relativas à seleção brasileira, pretendo compreender quais os discursos e questionamentos, que a participação e, particularmente, a derrota do escrete nacional no mundial, geraram em um jornal da imprensa alternativa.
Abstract This paper is a study on the repercussion of the 1974 World Football Cup on the pages of a newspaper named Opinião during the same year. Football, since long ago, has been acting as part of the Brazilian national identity. Moreover, the World Cup, along with the Brazilian team performance while representing the confrontation among nations and the union of the imagined community, plays as an important symbolic element in the composition of our identity. Hence, in a dictatorial, political-propagandized context, the most popular sport in the country would also serve the ideological designations of the dictatorship. In 1974, specifically, general Geisel took over and the government was going through a very unstable process, since the economic results were not as beneficial with the end of the “Brazilian miracle”. Furthermore, the so called alternative press, despite the censorship, was being structured on the resistance to the existing system. Therefore, from the analysis of the content of the articles published at the weekly publication, manly the ones related to the Brazilian team, I intend to understand which speeches and doubts were arisen in an alternative press newspaper, from the participation, and mainly the defeat of the national bests at the World Cup.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/90187
Arquivos Descrição Formato
000914399.pdf (717.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.