Repositório Digital

A- A A+

Aproximações de distribuições marginais a posteriori utilizando o método INLA

.

Aproximações de distribuições marginais a posteriori utilizando o método INLA

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aproximações de distribuições marginais a posteriori utilizando o método INLA
Autor Azevedo, Douglas Roberto Mesquita
Orientador Torman, Vanessa Bielefeldt Leotti
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Matemática. Departamento de Estatística. Curso de Estatística: Bacharelado.
Assunto Cadeias de Markov
Estatistica bayesiana
Software estatistico
Resumo O uso da Estatística Bayesiana vem se tornando cada vez mais frequente, isso pois os modelos são mais intuitivos e em alguns casos apenas modelos Bayesianos obtêm sucesso (modelos de Teoria da Resposta ao Item por exemplo). O grande problema surge quando não se pode derivar analiticamente os resultados, o que ocorre para a maioria dos modelos. Para driblar esta barreira, os métodos mais difundidos foram os métodos de simulação MCMC (sigla em inglês de Markov Chain Monte Carlo, que significa Monte Carlo via Cadeias de Markov). O grande contraponto destes métodos é o tempo computacional demandado, que por vezes torna a análise de modelos mais complexos demasiadamente demorada. Neste sentido o método INLA, que é um método determinístico, surge como uma solução para os problemas pois, quando comparado com os métodos de simulação obtém resultados muito satisfatórios e com um tempo computacional mais viável, o que facilita a prática da Estatística Bayesiana. O principal objetivo deste trabalho é iniciar o leitor no método tanto nos princípios básicos teóricos quando na parte computacional. No presente trabalho utilizamos alguns exemplos para ilustrar os resultados matemáticos em que o método INLA se baseia. Além disto, apresenta-se um breve tutorial com alguns comandos para executar o método já implementado no pacote R-INLA do software R. Durante este trabalho foi possível observar que a matemática inserida no método é complexa e que os resultados são bastante satisfatórios, tanto quando comparados com resultados exatos (quando disponíveis) como quando comparados com resultados via MCMC. Também foi possível perceber que a utilização do pacote R-INLA ébastante simples e o tempo computacional gasto para geração dos resultados é mais baixo do que o tempo computacional gasto em métodos de simulação.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/93248
Arquivos Descrição Formato
000915161.pdf (1.213Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.