Repositório Digital

A- A A+

Pedagogia universitária potencializada no diálogo reflexivo sobre educação matemática : quando três gerações de educadores se encontram

.

Pedagogia universitária potencializada no diálogo reflexivo sobre educação matemática : quando três gerações de educadores se encontram

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Pedagogia universitária potencializada no diálogo reflexivo sobre educação matemática : quando três gerações de educadores se encontram
Autor Bitencourt, Loriége Pessoa
Orientador Krahe, Elizabeth Diefenthaeler
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Licenciatura
Matemática
Pedagogia universitária
Relação escola-universidade
Trabalho
[en] Collaborative working
[en] Higher education pedagogy
[en] Mathematics education
[en] School-university relationship
[en] Teaching programs
Resumo Neste trabalho apresento a tese de doutorado intitulada: “Pedagogia Universitária potencializada no diálogo reflexivo sobre Educação Matemática: quando três gerações de educadores se encontram”. A questão problema que norteou a investigação foi: Em que sentido o diálogo reflexivo sobre Educação Matemática entre três gerações de professores se constitui processo potencializador da Pedagogia Universitária? Para a realização da investigação, propus e desenvolvi um Grupo de Trabalho Colaborativo (GTC) que agregou, por meio da uma formação continuada, três gerações de professores de Matemática ligadas ao Curso de Licenciatura Plena em Matemática (CLPM) da UNEMAT/Cáceres. Essa formação deu-se em nove encontros mensais e teve como tema: “A Educação Matemática na Escola e na Universidade: aproximações possíveis?”. As três gerações de professores de Matemática reunidas no GTC foram: Professores Formadores (PF); Acadêmicos Estagiários (AE), Acadêmicas Bolsistas (AB) e Professores da Escola (PE). No GTC relacionou-se o espaço Universitário com o Escolar e as pautas dos debates nortearam as próprias realidades de cada instituição educacional que influenciavam o fazer Educação Matemática. Este GTC serviu como espaço investigativo e nele efetuei uma pesquisa qualitativa com os preceitos do Estudo de Caso (YIN; ANDRÉ) e da pesquisa participante (BRANDÃO; CHIZZOTTI; BRANDÃO & STRECK). Como sujeitos pesquisados tive 42 professores colaboradores, dentre eles: 17 PF, 12 AE, 02 AB e 11 PE. Antes de iniciar os encontros da formação continuada realizei 16 entrevistas individuais com PF e durante os mesmos coletei dados através de filmagem, anotações registradas em diário reflexivo digital e questionários. Os dados foram sistematizados em um banco de dados composto por três partes: Texto de Referência (TR) – Parte 1 – Entrevistas; TR – Parte 2 – Diário Reflexivo Digital e TR – Parte 3 – Transcrições do Áudio das Filmagens dos Encontros. Para analisar os dados utilizei-me das técnicas da Análise de Conteúdo (BARDIN; FRANCO). A tese está organizada em três grandes partes e na sua exposição estabeleci um diálogo permanente entre a empiria e a teoria (FRANCO & KRAHE; SOARES & CUNHA; TARDIF, LESSARD; ZABALZA; PIMENTA & ANASTASIOU; CUNHA, entre outros). A análise da experiência de ação e investigação realizada me permite afirmar que o diálogo reflexivo sobre Educação Matemática potencializa a Pedagogia Universitária quando é possibilitado aos professores o encontro para dialogarem e a eles é permitido falar e ouvir sobre as realidades do seu dia a dia de trabalho docente, de forma horizontal, sem hierarquias e receios. Como principais aprendizados, destaco a importância do diálogo reflexivo e do trabalho colaborativo para a formação de professores; o emergente rompimento entre as distâncias que separam a escola e a Universidade e que a Pedagogia Universitária e a Educação Matemática são debates ausentes, porém urgentes de serem postos em prática nos cursos de licenciaturas. Como caminhos possíveis, a partir dos diálogos estabelecidos, evidencio que a Pedagogia Universitária na UNEMAT deve ser o centro do debate institucional e que deve ser reinventada na relação entre Escola e Universidade para os cursos de Licenciatura.
Abstract In this work I present a doctoral thesis entitled: "Higher Education pedagogy potentiated in reflective dialogue on mathematics education: when three generations of educators meet”. The question that guided the research was: In what sense the reflective dialogue on mathematics education from three generations of professors constitutes a potentiating process for higher education pedagogy? To perform the research, a collaborative working group was proposed and developed, which put together through in service training, three generations of mathematics professors related to the Mathematics Licentiate Course of Mato Grosso State University- UNEMAT/Cáceres. This in service training took place in nine monthly meetings and had as its theme: "The mathematics education at School and at the university: possible approaches?". The three generations of mathematics teachers gathered in the collaborative working group were: teacher educators (TE); student teachers (TS); assistant researchers (AR) and school teachers (ST). The collaborative working group related the academic space and the school space, with the debates and agendas that guide the particular realities of each educational institution, which influence the making of mathematics education. This collaborative working group served as an investigative space, that was produced as a qualitative research with the precepts of the case of study (YIN; ANDRÉ) and participatory research (BRANDÃO; CHIZZOTTI; BRANDÃO & STRECK). 42 members, including 17 teacher educators (TE), 12 student teachers (TS), 02 assistant researchers (AR) and 11 school teachers were surveyed. Before starting the continuing education meetings, 16 individual interviews with professors lecturers were performed, over the same event; data was collected through filming, reflective digital diary notes and questioners. The data were organized in a database composed of three parts: Text Reference (TR) - Part 1 - Interviews; TR - Part 2 - Reflective digital diary and TR - Part 3 - Transcripts of audio footage of meetings. To analyze the data I have used content analysis techniques (BARDIN, FRANCO).The thesis is organized into three parts and in its development I established a permanent dialogue between empiricism and theory (FRANCO & KRAHE; SOARES & CUNHA; TARDIF, LESSARD; ZABALZA; PIMENTA & ANASTASIOU; CUNHA, among others). The analysis of the experience of action and investigation allows me to state that a reflective dialogue on mathematics education improves the higher education pedagogy when it provides dialogue opportunities among the professors and teachers and they are allowed to speak and hear about the realities of their day to day work of teaching, horizontally, without hierarchies and fears. As the main learning of this research, I highlight the importance of reflective dialogue and collaborative work for the in service training of teachers and faculty; the emerging rift of the distances between school and university, and the university’s pedagogy and mathematics education debates are missing, however urgent to be put into practice in licentiate courses. As possible paths from the dialogues set, I evince that higher education pedagogy at Mato Grosso State University – UNEMAT, should be the center of institutional debate and the relationship between school and university for teaching programs must be reinvented.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/94629
Arquivos Descrição Formato
000914883.pdf (2.368Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.