Repositório Digital

A- A A+

Projeto alunos em rede – mídias escolares : análise sobre a construção da educomunicação na rede municipal de ensino de Porto Alegre

.

Projeto alunos em rede – mídias escolares : análise sobre a construção da educomunicação na rede municipal de ensino de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Projeto alunos em rede – mídias escolares : análise sobre a construção da educomunicação na rede municipal de ensino de Porto Alegre
Autor Ramos, Rodrigo Barbosa
Orientador Gandin, Luis Armando
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Análise do discurso
Comunicação
Currículo
Política educacional
Sociologia da educação
[en] Curriculum
[en] Educommunication
[en] Media school
[en] Students in network
[es] Alumnos en red
[es] Currículo
[es] Educomunicación
[es] Medios escolares
Resumo Esta dissertação apresenta reflexões acerca da implementação do projeto educomunicativo “Alunos em Rede – Mídias Escolares” a partir da perspectiva de uma análise relacional, como proposta por Michael Apple (2006). O projeto é desenvolvido desde 2008 nas escolas municipais de Porto Alegre (RS, Brasil) por meio de oficinas multimidiáticas, que são ministradas pelos professores da rede com ênfase na produção de rádio-web. Nesta pesquisa, concentro-me em uma experiência desenvolvida no ano de 2012. Para realizar a análise, adotei como ferramentas metodológicas: a) a perspectiva etnográfica, com realização de entrevistas semiestruturadas e observação participante; b) a perspectiva da análise crítica do discurso, para leitura de documentos. A análise aponta para contradições na construção da educomunicação no contexto analisado. De um lado, evidencia-se um entendimento de educomunicação associada à formação de redes colaborativas entre alunos e professores, o que se aproxima da ideia de ecossistema comunicativo. De outro, pela conjuntura política educacional da SMED, que se caracteriza por uma política curricular do vazio e por uma gestão voltada para resultados, o projeto acabou reproduzindo essas mesmas características: controle do trabalho docente e sobrevalorização de resultados.
Resumen Esta tesis presenta reflexiones acerca de la implementación del proyecto educomunicativo Alunos em Rede – Mídias Escolares (Alumnos en Red - Medios Escolares) a partir de la perspectiva de un análisis relacional, como propone Michael Apple (2006). El proyecto se ha desarrollado desde 2008 en escuelas municipales de Porto Alegre (RS, Brasil) por medio de talleres de multimedios, que son ofrecidos por los profesores de la propia red, y que ponen énfasis en la producción de radio-web. En la presente investigación me concentro en una experiencia desarrollada en el año 2012. Para realizar el análisis, he adoptado como herramientas metodológicas: a) la perspectiva etnográfica, con realización de entrevistas semi-estructuradas y observación participante; b) la perspectiva de análisis crítico del discurso para lectura de documentos. Este análisis señala contradicciones en la elaboración de educomunicación dentro del contexto analizado. Por un lado, queda en manifiesto una comprensión de educomunicación asociada a la formación de redes colaborativas entre alumnos y profesores, lo que se aproxima a la idea de ecosistema comunicativo. Por otro, por la coyuntura política educacional de SMED que se caracteriza por una política curricular del vacío y por una gestión volcada hacia resultados, el proyecto acabó reproduciendo estas mismas características: control del trabajo docente y supervaloración de resultados.
Abstract This paper presents thoughts about the implementation of the educommunicative project “Alunos em Rede – Mídias Escolares” (“Connected Students - Teaching Media”) from the perspective of a relational analysis, as proposed by Michael Apple (2006). The project is underway since 2008 in public schools in Porto Alegre (RS, Brazil) through multimedia workshops, conducted by teachers in the schooling system with emphasis in webradio production. For this research, I focused on an experiment developed in 2012. To perform this analysis, I adopted the following methodological tools: a) an ethnographic perspective, with semi-structured interviews and participant observation; b) a critical analysis of discourse perspective, for the reading of documents. The analysis indicates contradictions in the construction of educommunication in the context analyzed. On the one hand, it is observed an understanding of educommunication associated to the creation of collaborative networks between students and teachers, which closely related to the idea of communicative ecosystem. On the other hand, under the educational policy conjecture of SMED (Municipal Education Secretariat), which is characterized by a curricular policy of emptiness and a management focused on results, the project ultimately reproduces these same characteristics: control of teachers’ work and overestimation of results.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/94708
Arquivos Descrição Formato
000914879.pdf (1.580Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.