Repositório Digital

A- A A+

Administração na América portuguesa : a expansão das fronteiras meridionais do império (1680-1808)

.

Administração na América portuguesa : a expansão das fronteiras meridionais do império (1680-1808)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Administração na América portuguesa : a expansão das fronteiras meridionais do império (1680-1808)
Outro título Administration in Portuguese America : expanding the southern borders of the empire (1680-1808)
Autor Kühn, Fábio
Comissoli, Adriano
Resumo O estudo da administração colonial voltou a adquirir importância nos últimos anos, tendo gerado um profícuo debate historiográfico, que tem renovado este campo dos estudos históricos. O conceito de “pacto colonial” vem sendo revisto, enfatizando-se a dinâmica da negociação entre os colonos e a Coroa portuguesa. O próprio “antigo sistema colonial” vem sendo confrontado com a noção de um “Antigo Regime nos trópicos”, o que levou a que fossem repensados vários aspectos da fase inicial da história do Brasil. Um dos pontos centrais a ser investigado no artigo refere-se à natureza das relações que eram estabelecidas entre as principais autoridades régias da colônia (vice-reis, governadores, provedores e ouvidores) e os poderes locais (câmaras e ordenanças), procurando verificar como se viabilizava a governabilidade da América lusa. Dentro desse vasto espaço geográfico, o foco da análise irá recair sobre o processo de integração na estrutura administrativa colonial dos espaços de fronteira, particularmente o Rio Grande de São Pedro e a Colônia do Sacramento.
Abstract Colonial administration studies became very important in the last years, generating productive historical debate, which gave new perspectives to this investigation field. The concept of "colonial pact" has been revised, emphasizing the dynamics of negotiation between the settlers and the Portuguese crown. The "old colonial system" has been confronted with "Ancién Regime in the tropics" ideas, which means that several aspects of the initial phase of the history of Brazil are currently being reconsidered. One key point in this discussion refers to the nature of the relationships established between royal authorities in the colony (viceroys, governors, treasurers and district magistrates) and local authorities (Municipal Councils and militias), verifying how governability was possible in Portuguese America. In this large space, the focus of the analysis will be on the process of integration of border areas into the colonial administrative structure, particularly the Rio Grande de São Pedro and Colonia de Sacramento.
Contido em Revista de história (São Paulo). São Paulo, SP. N. 169 (jul./dez. 2013), p. 53-81
Assunto Administração colonial
Fronteiras
Império português
[en] Boundaries
[en] Colonial administration
[en] Governance
[en] Local authorities
[en] Portuguese empire
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/94802
Arquivos Descrição Formato
000913767.pdf (230.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.