Repositório Digital

A- A A+

Eficácia e segurança de Sultamicilina (Ampicilina/ Sulbactam) e Amoxacilina/ Clavulanato no tratamento das infecções de via aéreas superiores em adultos : um estudo multicêntrico, aberto e randomizado

.

Eficácia e segurança de Sultamicilina (Ampicilina/ Sulbactam) e Amoxacilina/ Clavulanato no tratamento das infecções de via aéreas superiores em adultos : um estudo multicêntrico, aberto e randomizado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Eficácia e segurança de Sultamicilina (Ampicilina/ Sulbactam) e Amoxacilina/ Clavulanato no tratamento das infecções de via aéreas superiores em adultos : um estudo multicêntrico, aberto e randomizado
Outro título Efficacy and safety of Sultamicillin (Ampicillin/Sulbactan) and Amoxicillin/Clavulanic Acid in the treatment of upper respiratory tract infections in adults : an open-label, multicentric, randomized trial
Autor Ferreira, Joao Batista
Rapoport, Priscila Bogar
Sakano, Eulália
Kos, Arthur Octavio de Avila
Piltcher, Otavio Bejzman
Pignatari, Shirley Shizue Nagata
Pinheiro, Sebastião Diógenes
Mocellin, Marcos
Resumo As IVAS em crianças e adultos são os motivos mais freqüentes de consulta médica e os que mais demandam o uso de antibióticos. A crescente resistência bacteriana causada pela produção das beta-lactamases constitui um dos mais sérios problemas atuais. A Sultamicilina é uma pró-droga dupla da ampicilina e do sulbactam, um potente inibidor de beta-lactamases que pode fazer frente a estas dificuldades. Objetivo: avaliar a eficácia, segurança e tolerabilidade da Ampicilina/Sulbactan comparada à Amoxacilina/Ácido Clavulânico no tratamento de IVAS, em adultos. Metodologia: 102 pacientes com diagnóstico de IVAS foram randomizados em dois grupos recebendo Ampicilina/Sulbactan ou Amoxacilina/ Clavulanato por 10 dias. Foram avaliados 10 e 30 dias após para análise da resposta terapêutica. Resultados: Não houve diferença entre os grupos com relação à proporção de pacientes curados ao final do tratamento (visita 2) ou do estudo (visita 3). No grupo que recebeu Amoxacilina/Clavulanato, as proporções de cura foram de 61.7% e 93.2% nas visitas 2 e 3, comparadas a 64.4% e 97.4%, respectivamente, no grupo que recebeu Ampicilina/Sulbactan. A proporção de pacientes que experimentou pelo menos um evento adverso foi semelhante nos dois grupos (p = 0.940). A diarréia foi significativamente mais freqüente no grupo Amoxacilina- Clavulanato (70.6%) do que no grupo Ampicilina/Sulbactan (29.4%), (p=0.0164). Conclusões: A Ampicilina/Sulbactan é tão segura e eficaz quanto a Amoxacilina/Clavulanato no tratamento empírico de IVAS em adultos. A ocorrência significativamente menor de quadros de diarréia no grupo recebendo Ampicilina/Sulbactan necessita confirmação em estudos posteriores.
Abstract Upper respiratory tract infections are the most common causes of medical visits in children and adults, demanding massive use of antibiotics. Bacterial resistance caused by betalactamase is one of the most serious problems in this matter. Sultamicillin, a double pro-drug of Ampicillin/Sulbactan, is a potent beta-lactamase inhibitor which can face this challenge. Aim: evaluate efficacy, safety and tolerability of Ampicillin/Sulbactan compared to Amoxicillin/Clavulanate in upper respiratory tract infections in adults. Methods: 102 patients were enrolled and randomized to receive Ampicillin/Sulbactan or Amoxicillin/Clavulanate during 10 days. They were evaluated 10 and 30 days after treatment to learn about the therapeutic response. Results: There were no differences between the two groups respecting cure at the end of treatment (visit 2) or at the end of the study (visit 3). Cure ratio was 61.7% and 93.2% (visits 2 and 3) in the Amoxicillin/Clavulanate group compared to 64.4% and 97.4%, respectively, in Ampicillin/Sulbactan group. The adverse events ratio for the two groups was the same (p=0.940). The number of patients with diarrhea was greater in the group of patients receiving Amoxicillin/Clavulanate (70.6%) than in the group receiving Ampicillin/Sulbactan (29.4%) (p=0.0164). Conclusions: Ampicillin/Sulbactan is as safe and efficient as Amoxicillin/Clavulanate in the empiric treatment of upper respiratory infections in adults. The low occurrence of diarrhea in the group receiving Ampicillin/Sulbactan needs confirmation in other studies.
Contido em Revista brasileira de otorrinolaringologia. Rio de Janeiro. Vol. 72, n. 1 (jan./fev. 2006), p. 104-111
Assunto Ácido clavulânico
Amoxicilina
Ampicilina
Infecções respiratórias
Sulbactram
[en] Amoxicillin
[en] Ampicillin
[en] Clavulanic
[en] Infections
[en] Sulbactan
[en] Upper respiratory tract
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/95145
Arquivos Descrição Formato
000860600.pdf (160.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.