Repositório Digital

A- A A+

Análise dos limiares eletrofisiológicos do PEATE-FE por estimulação aérea e óssea em lactentes de dois a seis meses de idade

.

Análise dos limiares eletrofisiológicos do PEATE-FE por estimulação aérea e óssea em lactentes de dois a seis meses de idade

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise dos limiares eletrofisiológicos do PEATE-FE por estimulação aérea e óssea em lactentes de dois a seis meses de idade
Autor Cardoso, Yandra Mesquita Pereira
Orientador Sleifer, Pricila
Data 2013
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Especialização em Audiologia.
Assunto Lactente
Perda auditiva
Potenciais evocados auditivos do tronco encefálico
Testes auditivos
[en] Bone
[en] Evoked potential hearing
[en] Hearing loss
[en] Hearing tests
[en] Infants
Resumo Objetivo: descrever limiares eletrofisiológicos por estimulação aérea e óssea em lactentes nascidos a termo, com audição normal. Métodos: população constituída por 35 lactentes nascidos a termo, de ambos os gêneros, com idade entre dois e seis meses de vida. Todos apresentaram emissões otoacústicas presentes, curvas timpanométricas tipo A e reflexos acústicos presentes em ambas as orelhas. Após foi realizado o PEATE-FE por via aérea e por via óssea, nas frequências de 500Hz e 4000Hz. A pesquisa do PEATE-FE por via óssea as intensidades foram decrescentes de 10 em 10 dB a partir de 50 dBNA. Como limiar eletrofisiológico foi considerado a menor intensidade em que a onda V foi identificada e replicada pelo examinador. Resultados: quando comparadas às vias aérea e óssea, observou-se que os valores de via óssea são mais elevados. Lactentes maiores apresentam valores menores em ambas as vias na frequência de 500Hz, mas na frequência de 4.000Hz não houve associação significativa com a idade. Conclusão: os tempos de latência obtidos por via óssea diminuem com o aumento da idade do lactente, na frequência de 500Hz. O PEATE-FE por condução óssea é um exame confiável e que auxilia no diagnóstico e prognóstico de perda auditiva.
Abstract Objective: to describe electrophysiological thresholds by air and bone stimulation in infants was born at term with normal hearing. Methods: population consists of 35 infants was born at term, of both sexes, aged between two and six months to live. All were present otoacoustic emissions, timpanométricas curves and acoustic reflexes type present in both ears. After TEST-FE was held by air and through bone, in the frequencies of 500 Hz and 4000Hz. The research of TEST-FE by via were decreasing intensities of bone 10:0 pm 10 dB from 50 dBNA. As electrophysiologic threshold was considered the lesser intensity in the wave V was identified and replicated by the examiner. Results: when compared to air routes and bone, it was observed that the values of bone via are higher. Older infants have lower values at both lanes on the frequency of 500 Hz, 4,000 Hz frequency but there was no significant association significant with age. Conclusion: the thresholds obtained via bone decrease with increasing age of the child, on the frequency of 500 Hz. TEST-FE by bone conduction is a reliable test, and that helps in the diagnosis and prognosis of hearing loss.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/95449
Arquivos Descrição Formato
000918059.pdf (698.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.