Repositório Digital

A- A A+

A formação discursiva neoliberal em escolas públicas estaduais : o Projeto Jovem de Futuro do Instituto Unibanco

.

A formação discursiva neoliberal em escolas públicas estaduais : o Projeto Jovem de Futuro do Instituto Unibanco

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A formação discursiva neoliberal em escolas públicas estaduais : o Projeto Jovem de Futuro do Instituto Unibanco
Autor Monteiro, Marcelisa
Orientador Machado, Carmen Lúcia Bezerra
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Ensino público estadual
Projeto Jovem de Futuro.
[en] Discourse
[en] Educational practices
[en] Jovem de futuro project
[en] Public and private relationship
[en] Teaching work
Resumo Este estudo tem o objetivo de analisar os sentidos produzidos no e sobre o trabalho docente a partir da incidência do Projeto Jovem de Futuro - PJF do Instituto Unibanco (IU) em escolas públicas estaduais de Porto Alegre no período de 2010 a 2013. A partir dos movimentos internacional e nacional de reestruturação do capital, e das articulações entre o político e o econômico, identifico o papel do Brasil e da educação nesse processo, debatendo sobre as “novas” formas de conservar a organização da educação ligada aos interesses do capital. Levando isso em conta, situo as condições sócio-históricas em que se constituem os discursos sobre a educação e a ela se atribuem sentidos filiados ao “mundo dos negócios”, evidenciando a Formação Discursiva Neoliberal. A incidência dos projetos privados sobre o trabalho docente em escolas públicas estaduais se caracteriza pela padronização, e contraditoriamente, pela possibilidade de alternativa que atua como contraponto entre a resistência e o consentimento. Com base no estudo de caso, realizado em duas escolas estaduais de Porto Alegre, a coleta de dados ocorreu no período de 2010 a 2013, sustentada teorico-metodologicamente pela interface entre os autores Antonio Gramsci e Michael Pêcheux, entre o inventário e a Análise de Discurso. Deste emergem os efeitos de sentidos sobre a falta de valorização da educação e do trabalho docente, bem como, sobre o Estado não – o que não cumpre com as suas responsabilidades, nas falas dos sujeitos entrevistados.
Abstract This dissertation aims to analyze the meanings produced in and about the teaching work from the incidence of Instituto Unibanco’s project named Jovem de Futuro in public state schools of Porto Alegre city in the period 2010-2013. Based on the international and national capital restructuring movements, as well as on the interrelationships between politics and economics, I identity the role played by the country and education in this process, discussing about “new” ways of preserving the organization of education linked to the interests of capital. Taking this into account, I situate the socio-historical conditions that constitute the discourses on education and that end up assigning meanings affiliated to the “business world”, showing the neoliberal discursive formation. I hold that the hypothesis according to which the incidence of private projects about teaching work in public state schools is characterized by the standardization and, paradoxically, the possibility of an alternative that acts as a counterpoint between resistance and consent. The present research was conducted based on a case study, carried out in two public state schools of Porto Alegre. Data collection was made in the period 2010-2013, and its theoretical background is composed by the interface of authors such as Antonio Gramsci and Michael Pêcheux.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/95668
Arquivos Descrição Formato
000918492.pdf (2.993Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.